Game of thrones bate recorde histórico ao levar o Emmy de melhor drama

A produção da HBO confirmou o favoritismo e se tornou a série mais premiada da história do Emmy

por AFP - Agence France-Presse 19/09/2016 10:18

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
AFP / Valerie MACON
Elenco, roteiristas e diretores de Game of thrones recebem o Emmy de melhor drama (foto: AFP / Valerie MACON)

As séries Game of thrones e Veep foram as vencedoras nas principais categorias, dramática e cômica, respectivamente, na cerimônia de entrega da 68ª. edição do Prêmio Emmy, realizada na noite deste domingo no Microsoft Theatre, em Los Angeles.

Mas o drama épico e o carro-chefe da HBO bateu um novo recorde ao se transformar na série mais premiada da história do Emmy, superando os 37 prêmios da sitcom Frasier.

A saga baseada nos romances de George R.R. Martin levou o prêmio de melhor série dramática, melhor direção, roteiro e efeitos especiais, apesar de seus astros Peter Dinklage e Kit Harington terem ficado de fora do prêmio de melhor ator coadjuvante.

Com seus 38 Emmys no total, Game of Thrones é agora a série de ficção mais premiada pelo chamado Oscar da TV americana.

No entanto, o recorde em todas as categorias, incluindo programas de não ficção, continua nas mãos do longevo humorístico Saturday Night Live, com 45 estatuetas.

AFP / Valerie MACON
Julia Louis-Dreyfuss, de Veep, levou o Emmy pela quinta vez como melhor atriz de série cômica (foto: AFP / Valerie MACON)

A HBO também viu sua comédia Veep mais uma vez reconhecida como a melhor série dessa categoria. Sua protagonista, Julia Louis-Dreyfus, também ganhou seu quinto Emmy consecutivo.

O show de entrega dos prêmios, marcadamente de cunho político, teve a apresentação do comediante Jimmy Kimmel, que conduziu a festa pela segunda vez.

A seguir, os principais vencedores da noite:

Melhor série dramática

Game of thrones

Melhor ator de série dramática


Rami Malek, de Mr. Robot

Melhor atriz de série dramática

Tatiana Maslany, de Orphan black

Melhor ator coadjuvante em série dramática

Ben Mendelsohn, de Bloodline

Melhor atriz coadjuvante em série dramática


Maggie Smith, de Downton abbey

Melhor série cômica

Veep

Melhor ator de série cômica

Jeffrey Tambor, de Transparent

Melhor atriz em série cômica


Julia Louis-Dreyfus, de Veep

Melhor ator coadjuvante em série cômica

Louie Anderson, de Baskets

Melhor atriz coadjuvante em série cômica


Kate McKinnon, de Saturday night live

Minissérie

The people vs. O.J. Simpson: american crime story

Filme para TV

Sherlock: the abominable bride

Melhor ator em minissérie ou filme para TV


Courtney B. Vance, de The people v. O.J. Simpson: american crime story

Melhor atriz em minissérie ou filme para TV


Sarah Paulson, de The people v. O.J. Simpson: american crime story

Melhor ator coadjuvante em minissérie ou filme para TV


Sterling K. Brown, de The people v. O.J. Simpson: american crime story

Melhor atriz coadjuvante em minissérie ou filme para TV

Regina King, de The people v. O.J. Simpson: american crime story

Reality show


The voice

Variedades

"Last week tonight with John Oliver

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE SÉRIES E TV