Anvisa não prorroga prazo para rotulagem de alergênicos

Decisão foi tomada na sede da agência reguladora, em Brasília, nesta quarta-feira. Famílias à frente do movimento 'Põe no Rótulo' comemoram a decisão

por Redação 01/06/2016 16:02

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Em reunião pública nesta quarta-feira (01/06) com representantes da indústria alimentícia e da sociedade civil, representantes da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anisa) negaram por unanimidade o pedido de prorrogação de prazo para que as empresas passassem a informar nos rótulos de seus produtos a presença de alergênicos. Foram cinco votos a zero para manutenção do prazo de 12 meses previsto em julho do ano passado pela RDC nº 26/15.

As indústrias de alimentos pediram prorrogação desse prazo alegando “pouco tempo” para rotular seus produtos, entre outros motivos, como a questão do custo e a complexidade da cadeia produtiva, inclusive em relação aos suprimentos.

O movimento Põe no Rótulo e famílias de crianças com alergia alimentar estiveram na sede da Anvisa, em Brasília, onde aconteceu a reuninão, e foram à tribuna para defender o direito à informação.

Para a advogada Fernanda Mainier Hack, uma das coordenadoras do movimento, na reunião de hoje, a Anvisa cumpriu seu papel e resguardou os direitos daqueles que têm alergia alimentar mantendo o prazo inicialmente determinado.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE SAÚDE PLENA