Governo lança campanha voltada à saúde de homens gays e bissexuais

Objetivo é informar e conscientizar a sociedade, bem como profissionais de saúde, trabalhadores e gestores do SUS sobre garantias ao atendimento, sem discriminação, considerando as especificidades de saúde dessa população

por Agência Brasil 27/04/2016 15:26

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
O Ministério da Saúde lançou nesta terça-feira (26/04) a campanha “Cuidar bem da saúde de cada um. Faz bem para todos. Faz bem para o Brasil”, com foco na saúde integral de homens gays e bissexuais.

Segundo o ministério, o objetivo é informar e conscientizar a sociedade, bem como profissionais de saúde, trabalhadores e gestores do SUS sobre garantias ao atendimento, sem discriminação, considerando as especificidades de saúde dessa população. A campanha foi desenvolvida em parceria com o Ministério das Mulheres, da Igualdade Racial, Juventude e dos Direitos Humanos.

A campanha contará ainda com uma cartilha com informações sobre a atenção integral à saúde desta população, voltada para trabalhadores do Sistema Único de Saúde (SUS), incluindo recepcionistas e responsáveis por marcar consultas, atendentes, entre outros.

A cartilha destaca o direito de todos à saúde, com respeito e sem discriminação, e aborda orientações aos profissionais no acolhimento à população. De acordo com o Ministério da Saúde, ainda serão distribuídos materiais publicitários para unidades de saúde e comitês de saúde LGBT.

A ação foi lançada na abertura da 3ª Conferência de Políticas Públicas de Direitos Humanos de LGBT, em Brasília. Esta é a quinta etapa de uma série de campanhas realizadas pelo governo federal pela valorização do direito à saúde. Entre os grupos já contemplados estão a população de rua, população negra, mulheres lésbicas e bissexuais e saúde trans.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE SAÚDE PLENA