Enjoo do movimento: conheça a cinetose e saiba como amenizar seus efeitos

Distúrbio pode causar uma série de sintomas indesejáveis, como tontura, náuseas e vômitos

por Gláucia Chaves 18/02/2016 10:00

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Crédito BCR/Divulgação
Movimento de navios, barcos e lanchas podem desencadear a síndrome de adaptação de espaço (foto: Crédito BCR/Divulgação)
Embarcar em uma viagem pelo mar é o sonho de muita gente, mas a experiência pode esconder um problema extremamente desagradável: o temido enjoo de movimento. Tecnicamente chamado de cinetose ou, ainda, síndrome de adaptação de espaço, o distúrbio pode causar uma série de sintomas indesejáveis, como tontura, náuseas e vômitos. Larissa Macêdo de Camargo, otorrinolaringologista do Centro Otorrino do Hospital Santa Lúcia, explica que o desarranjo é causado pelo movimento de navios, barcos e lanchas. “Todos estamos suscetíveis, entretanto, pacientes com doenças neurológicas ou psiquiátricas podem ter uma propensão maior.”

Segundo a médica, o fenômeno acontece por causa de um conflito sensorial: quando há movimento, a visão, o sistema proprioceptivo (responsável pelo reconhecimento espacial do corpo) e o aparelho vestibular (que cuida do equilíbrio) se confundem. “A harmonia desses três sistemas garante que façamos todos os movimentos sem mal-estar”, reforça Larissa de Camargo. O conflito de sensações — o corpo está parado, mas tudo em volta está em movimento — impede que as informações cheguem corretamente ao cérebro, causando desconforto.

Valdo Virgo / CB / D.A Press
Clique na imagem para ampliá-la e saiba mais (foto: Valdo Virgo / CB / D.A Press)

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE SAÚDE PLENA