Anvisa libera medicamento para casos de hidradenite supurativa

A doença, cuja manifestação é semelhante à acne, era tratada por via cirúrgica

por Renata Rusky 29/01/2016 11:00

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Só quem luta contra algum tipo de doença crônica sabe a esperança que se sente quando surge a possibilidade de novos tratamentos. Para aqueles que sofrem com a hidradenite supurativa, a Anvisa acaba de autorizar um medicamento para o tratamento das infecções: o adalimumabe. Segundo o médico Joaquim Mesquita Filho, diretor da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica, trata-se de um imunobiológico de via oral já conhecido no Brasil, usado geralmente para tratar pacientes de Doença de Crohn e psoríase.

A doença é um processo autoimune de origem desconhecida e de difícil controle. Formam-se nódulos inflamados subcutâneos que podem ser confundidos com furúnculos ou grandes espinhas. Ela costuma afetar a qualidade de vida dos pacientes e pode até ser uma condição debilitante, de acordo com Mesquita Filho. Chamada de acne inversa, a hidradenite também atinge os folículos das glândulas sudoríparas, no entanto, a inflamação é muito mais agressiva. Vale lembrar que a acne tradicional é transitória e costuma estar ligada a questões hormonais.

Valdo Virgo / CB / D.A Press
Clique na imagem para ampliá-la e saiba mais (foto: Valdo Virgo / CB / D.A Press)

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE SAÚDE PLENA