Seis mitos e verdades sobre o suor

Cerca de 6,5% da população sofre de hiperidrose ou suor em excesso

por Agência Estado 17/12/2015 10:14

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Getty Images / Reprodução Internet
Você está suando em razão do calor ou está na hora de procurar um médico? (foto: Getty Images / Reprodução Internet)
O verão bate à porte e as temperaturas podem ultrapassar os 40º C. Assim, transpirar é quase inevitável. No entanto, existem casos em que o suor é sinal de um problema de saúde. De acordo com a Sociedade Internacional de Hiperidrose cerca de 6,5% da população sofre com a doença. O distúrbio provoca transpiração em excesso, principalmente nas axilas, palmas das mãos e planta dos pés (leia mais aqui).

O diretor do Instituto Jacques Perissat e doutor em cirurgia mini invasiva pela Universidade de Bordeaux, na França, Marcelo de Paula Loureiro esclarece alguns mitos e verdades que podem ajudar a identificar se você está suando em razão do calor ou se está na hora de procurar um médico.

Só transpiramos no calor?
MITO : A função do suor é controlar a temperatura do corpo e isso acontece em qualquer estação do ano. Porém, transpirar muito sem fazer esforço físico ou em um ambiente frio pode ser indício de hiperidrose. E também pode ser sinal de diabetes ou menopausa.

Suamos até embaixo d’água?
VERDADE : Mesmo debaixo d’água o corpo produz suor, principalmente quando se pratica uma atividade física como a natação, mergulho esportivo ou hidroginástica.

Quem transpira cheira mal?
MITO : O que provoca mal cheiro nas axilas ou nos pés não é o suor, mas sim, a presença de bactérias e fungos em certas partes do corpo. No caso da hiperidrose, no entanto, é importante buscar ajuda de um especialista para avaliar qual a melhor forma de tratamento (clinica ou cirúrgica).

EM/D.A Press
Clique na imagem para ampliá-la e saiba mais (foto: EM/D.A Press)


Cirurgia pode acabar com o suor?
VERDADE: Apenas se a transpiração for decorrente da hiperidrose. A simpatectomia lombar endoscópica, por exemplo, é uma técnica minimamente invasiva utilizada em casos de suor excessivo nos pés e a simpatectomia torácica, para tratar o suor em excesso das mãos e axilas.

Gravidez faz aumentar o suor?

VERDADE: O aumento de hormônios e do fluxo sanguíneo pode causar o excesso de suor, sintoma que tende a desaparecer com o final da gestação. Porém, se os sintomas persistirem é importante procurar um médico para afastar a possibilidade de hiperidrose.

Suar emagrece?
MITO : A transpiração não elimina gordura apenas água e sais minerais que devem ser repostos com a hidratação.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE SAÚDE PLENA