Campanha de vacinação contra paralisia infantil começa neste sábado

Meta é vacinar 95% do público-alvo, crianças entre 6 meses e 5 anos

11/08/2015 14:34

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

Juliana Flister/Esp. EM/D.A Press
Poliomielite é considerada erradicada no Brasil desde 1994, mas a vacinação é fundamental para manter o vírus afastado do país (foto: Juliana Flister/Esp. EM/D.A Press)
Começa neste sábado (15/08), a Campanha Nacional de Vacinação contra poliomielite. O ministro da Saúde, Arthur Chioro, lança nesta terça-feira (11/08) a campanha que vai até 31 de agosto em todo o país. Haverá postos de vacinação fixos e móveis em todo o Brasil para aplicação das doses. A recomendação da pasta é para que sejam vacinados 95% do público-alvo. No Brasil, existem 12.716.756 crianças na faixa etária a ser vacinada, enquanto Minas Gerais possui 1.161.989.

A paralisia infantil, como a poliomielite também é conhecida, é uma doença infectocontagiosa causada pelo polivírus, que afeta nervos e pode causar fraqueza muscular permanente e paralisia irreversível. Devem ser vacinadas crianças entre 6 meses e 5 anos de idade.

A poliomielite é considerada erradicada no Brasil desde 1994, mas a vacinação é fundamental para manter o vírus afastado do país. Em 2013 e 2014, a Organização Mundial da Saúde (OMS) foi notificada sobre a presença do vírus em dez países nos continentes africano e asiático.

Além da imunização contra a pólio, serão ofertadas as vacinas que compõem o calendário básico da criança, como as doses contra febre amarela, hepatite B, o rotavírus humano e também a vacina tríplice viral, que protege contra sarampo, rubéola e caxumba. O objetivo é atualizar a caderneta de vacinas das crianças até 5 anos.

Contraindicações
A vacina que oferece proteção contra a poliomielite é segura e eficaz, não havendo contraindicações à vacinação. Apenas as crianças portadoras de infecções agudas, com febre acima de 38ºC, com hipersensibilidade a algum componente da vacina ou que estejam em contato com pessoa imunodeprimida devem evitar a vacinação.

#VacinaPólio
Para mobilizar pais, familiares e responsáveis a levarem as crianças para receber a vacina, a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) contará com um contingente de cerca de 5 mil postos de saúde fixos e volantes. Com a hashtag #VacinaPólio, a campanha de vacinação contra a doença será divulgada nas redes sociais. Além disso, foi criado uma página no site da SES-MG (www.saude.mg.gov.br/vacinacao) em que o cidadão pode consultar informações sobre a vacina e a doença.

Neste ano, o Dia D de Vacinação Contra a Poliomielite poderá ser realizado em duas datas, no dia 15 ou 22 de agosto. Como no dia 15 é comemorado feriado religioso em algumas localidades, fica a critério de cada município a escolha entre as duas datas. Em Belo Horizonte, o Dia D de Vacinação será realizado no dia 15 de agosto, com uma série de apresentações culturais voltadas para o público infantil, na Praça JK, na região centro-sul da capital mineira.

 

 

(Com informações da Agência Estado)

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE SAÚDE PLENA