Estilo messy hair valoriza o movimento, volume e as ondas do cabelo

Escova progressiva fica de lado e abre espaço para os cabelos naturais

por Celina Aquino 03/06/2015 15:00

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Reprodução Internet
O primeiro passo para usar o estilo 'messy hair' é fazer um corte em camadas, que devem ser irregulares (foto: Reprodução Internet )
Em vez de esconder, por que não realçar as ondas e o volume? A moda agora é assumir o cabelo natural e até destacar o que antes incomodava. Por isso, o estilo messy hair (cabelo bagunçado, em inglês) continua a ser tendência mundo afora. Deixar os fios desalinhados, volumosos e com as curvas em evidência pode ser uma opção interessante para quem busca praticidade ou mesmo uma alternativa para aquele dia em que eles acordam de mal com a vida. Lembre-se apenas de que o cabelo tem cara de desarrumado, mas nunca pode estar descuidado e sem brilho.

Segundo a hair stylist Megue Costa, o primeiro passo para usar o estilo messy hair é fazer um corte em camadas, que devem ser irregulares. Assim, você já consegue destacar as ondas naturais e criar texturas diferentes, aumentando o volume e o movimento. Em casa, resta aplicar um finalizador. Pode ser mousse, cera ou leav-in, desde que seja com textura de gel, pois o cabelo não pode ficar com aspecto de molhado. “Aplique o produto da raiz para as pontas e faça movimentos de amassar. Você pode deixar secar naturalmente ou usar difusor se quiser mais volume”, ensina.

Mulheres com cabelos de raiz lisa e comprimento ondulado conseguem chegar com mais facilidade ao messy hair. “Mas todos podem usar esse estilo, desde que não meça esforços. Vai depender do seu tempo hábil”, pondera a hair stylist. É o caso de quem tem os fios anelados, que terá trabalho a mais para alisar a raiz. Depois de secar todo o cabelo, Megue orienta usar o babyliss grosso para fazer as ondas, sem que fiquem muito simétricas. Ao fim, passe com os dedos o finalizador, que também ajuda na fixação, para soltar os cachos. Fique de cabeça para baixo se quiser dar mais volume.

CRISTINA HORTA/EM/D.A PRESS
Anna Sofia tem o cabelo liso, mas modernizou o corte para ganhar volume e movimento e seguir a tendência do estilo bagunçado (foto: CRISTINA HORTA/EM/D.A PRESS)
Para saber se acertou, veja se o seu cabelo parece ser naturalmente desalinhado, com aquele ar de “acabei de acordar e saí”. Não pode nunca dar na cara de que é algo produzido. “O estilo pode ser usado tanto de dia quanto para sair à noite. O que vai fazer a diferença são a roupa e a maquiagem”, pontua Megue. A sócia-proprietária do Tifs Alameda, Ana Paula Assis, lembra que cabelo bagunçado não é sinônimo de cabelo desleixado. “O cabelo tem movimento, mas não é indisciplinado ou ressecado. É extremamente bem cuidado e com um bagunçado perfeito de salão. Tem que parecer que conseguiu o look muito fácil, mas, na verdade, teve muita preparação”, acrescenta.

Swag hair
Para a temporada de frio, Ana Paula aposta no estilo de corte swag hair, que inclui uma franja. O termo é uma invenção da cabeleireira de celebridades Sunnie Brook, ao abreviar a expressão swingy shag, que dá ideia de balanço. “Segue a linha do cabelo podrinho, amassado e com textura. Vem com uma franja mais curta e desestrutura”, explica a dona do Tifs Alameda. Geralmente, não passa de dois dedos abaixo do ombro, mas cai bem em qualquer comprimento, até em fios mais curtos. As mechas sombré, em tons mais comportados, complementam esse tipo de corte.

PAULOWHITAKER/DIVULGAÇÃO
A musa das musas também é adepta (foto: PAULOWHITAKER/DIVULGAÇÃO)
Pode-se dizer que a coloração do swag hair é a versão alta-costura do ombré, que foi moda no verão. “É um cabelo com mechas menos marcadas, para dar um efeito mais natural e elegante, que combina mais com a moda do inverno. É sofisticado, mas sem deixar de ser cool”, resume Ana Paula. A cabeleireira utiliza tons mais sóbrios, como de mocca e caramelo, sendo que as loiras não chegam ao platinado. É preciso renovar o corte a cada dois meses, ainda mais quem opta por franja, e retocar a coloração duas vezes por semana, exceto quando os cabelos são brancos.

ELA É ADEPTA
Inspirada em Gisele Bündchen, a dentista Anna Sofia Carvalho Silva, de 24 anos, chegou ao salão de beleza disposta a modernizar o corte. Como o cabelo dela é pesado, liso e tende a ficar sempre escorrido, ela buscava mais movimento e volume. Por causa da profissão, Anna Sofia passa a maior parte do dia com o cabelo preso, então aposta no messy hair quando vai a um jantar, festa ou até casamento. “Consigo fazer em casa mesmo. Uso uma escova modeladora para soltar o cabelo e passo uma pomada hidratante, deixando os fios mais bagunçado. Já fica bem diferente”, conta.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE SAÚDE PLENA