Confundido com olheiras, siringoma provoca o crescimento anormal das glândulas sudoríparas

Doença ainda é pouco conhecida, não tem grandes repercussões além do incômodo estético

por Ailim Cabral 14/05/2015 13:00

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Uma doença dermatológica pouco conhecida entrou em foco recentemente, o siringoma. O problema estético se tornou tema de interesse quando uma participante de um reality show apareceu na tevê com olheiras grandes e que marcavam muito o rosto.

Alguns especialistas acreditam que a jovem sofra do problema, o que, segundo eles, ajuda a divulgar a doença ainda pouco conhecida. “Muitas pessoas podem ter esse problema e não saberem. Acham que é olheira e não procuram o tratamento adequado”, explica o dermatologista Abdo Salomão Júnior.

O siringoma é um crescimento anormal das glândulas sudoríparas que cria ondulações e manchas na região do rosto. Essas marcas podem ser confundidas com olheiras e rugas. O especialista explica que o problema acontece quando as células das glândulas responsáveis pela produção do suor começam a se multiplicar desordenamente, criando um tumor benigno. Por causa desse crescimento, ela se calcifica e perde a função de secreção. O processo não traz riscos sérios à saúde, mas esteticamente pode incomodar bastante.

Valdo Virgo / CB / D.A Press
Clique na imagem para ampliá-la e saiba mais (foto: Valdo Virgo / CB / D.A Press)

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE SAÚDE PLENA