Blogueira australiana que ficou famosa por sua luta contra o câncer confessa que nunca teve a doença

Belle Gibson, 23 anos, declarou a uma revista que havia inventado o câncer cerebral

por AFP - Agence France-Presse 23/04/2015 11:28

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Reprodução Internet - Women's Weekly
Entrevista foi concedida à revista Women's Weekly (foto: Reprodução Internet - Women's Weekly)
Uma blogueira australiana que se tornou famosa contando sua luta vitoriosa contra um câncer cerebral com terapias naturais reconheceu nesta quinta-feira (23/04) que nunca ficou doente.

Belle Gibson lançou em 2013 "The Whole Pantry", considerado o primeiro aplicativo comunitário sobre o bem-estar, a saúde e a boa comida e afirmava ter se curado de um câncer com este método. Segundo a imprensa, o aplicativo que lançou inclusive teria sido utilizado pela gigante americana Apple para seu novo smartwatch.

No ano passado, a jovem, de 23 anos, publicou um livro de receitas, que a editora retirou do mercado em março, quando começaram a surgir as primeira suspeitas sobre a veracidade de sua história. Belle Gibson, que tem um filho, confessou em uma entrevista à revista Women's Weekly que havia inventado tudo. "Nada de tudo isso é certo", confessou em um artigo intitulado "Minha longa batalha com a verdade. Acredito simplesmente que era o que deveria fazer. Acima de tudo, quero que as pessoas digam: está bem, é humana", declarou sobre sua revelação.

When Belle Gibsons wellness empire came crashing down last month, it was assumed that her story had simply been made up. The truth, however, is much more complicated. The Weekly's Clair Weaver explains.

Posted by The Australian Women's Weekly on Quarta, 22 de abril de 2015


As dúvidas sobre as receitas milagrosas de Belle Gibson começaram a surgir em março por ter descumprido sua promessa de doar para ações beneficentes 300.000 dólares australianos (216.000 euros, 231.000 dólares) de seus direitos autorais. Alguns de seus amigos começaram então a questionar se toda a história era real.

Todd Harper, funcionário da associação de luta contra o câncer do estado de Victoria, convocou os pacientes a desconfiar dos tratamentos muito milagrosos.

O jornal australiano Women's Weekly consultou médicos, que sugerem que a blogueira poderia sofrer de síndrome de Munchhausen, caracterizada pela invenção de doenças para chamar a atenção.

VÍDEOS RECOMENDADOS