Brasil é o segundo destino mais perigoso para mulheres viajarem

Reportagem cita violência de gangues e da polícia e relembra caso de americana que foi estuprada em um ponto de ônibus enquanto seu namorado assistia à cena algemado

por Estado de Minas 24/02/2015 12:37

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Segundo o jornal britânico Daily Mail, o Brasil é o segundo destino mais perigoso para mulheres viajarem, ficando atrás somente da Índia e a frente da Turquia, Tailândia, Egito, Colômbia, África do Sul, Marrocos, México e Quênia. Na reportagem, a coproprietária do site International Women's Travel Center, Julie Kreutzer, faz um alerta para quem pretende visitar o país. “Há uma grande diferença entre ir ao Brasil e a Dinamarca, se você é uma viajante mulher. Temos que ser honestos sobre os perigos que podemos enfrentar”, diz.

De acordo com a reportagem, as imagens de mulheres no Carnaval do Rio de Janeiro não conseguem mascarar o fato de que o Brasil tem os maiores índices de violência do mundo, liderada por gangues criminosas e o comportamento de uma polícia abusiva. O texto também cita dados do Ministério da Saúde que mostram que o número de estupros aumentou 157% entre 2009 e 2012. Para finalizar, a matéria relembra o caso de uma turista americana, que foi estuprada em um ponto de ônibus há dois anos, enquanto seu namorado assistia, algemado, a cena.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE SAÚDE PLENA