Testes com robôs podem ajudar pacientes com problemas para se movimentar

Dois tipos de sistemas robóticos são propostos: um que treina a andar e outro para realizar exercícios de manutenção do equilíbrio

por AFP - Agence France-Presse 19/12/2014 12:11

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
O gigante japonês da indústria de automóveis Toyota anunciou nesta sexta-feira que nesta semana começou a emprestar robôs concebidos para tarefas de reeducação física a hospitais japoneses, com o objetivo de realizar testes clínicos com pacientes com problemas para se movimentar sozinhos.

Dois tipos de sistemas robóticos são propostos: um que treina a andar e outro para realizar exercícios de manutenção do equilíbrio. "Os testes clínicos buscam avaliar a eficácia dos robôs cujo desenvolvimento foi acelerado pela Toyota com a finalidade de um lançamento comercial o quanto antes", explica o grupo.

O primeiro destes aparelhos, um pórtico que mantém o paciente parado através de uma espécie de arnês dorsal e nas pernas, permite que a pessoa caminhe sobre uma cinta andadora, acompanhando mecânica e eletronicamente os movimentos de suas pernas que não podem caminhar sozinhas.

O segundo consiste em uma plataforma com uma alça na qual o paciente é colocado sustentado por um arnês. Durante o exercício a pessoa deve balançar de maneira incessante e levar seu corpo a diferentes direções para manter o equilíbrio, seguindo os movimentos propostos na tela que simulam, por exemplo, a descida em uma pista de esqui ou os deslocamentos em uma quadra de tênis.

Assim como seu compatriota e concorrente Honda, a Toyota desenvolve há anos robôs e sistemas robóticos de diferentes tipos que são apresentados como "colaboradores para a vida".

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE SAÚDE PLENA