Saúde Plena é finalista em prêmio do Sindicato dos Jornalistas com reportagem sobre violência obstétrica

8º Prêmio Délio Rocha de Jornalismo de Interesse Público teve 152 trabalhos inscritos

16/12/2014 11:14

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
O Saúde Plena é um dos finalistas do 8º Prêmio Délio Rocha de Jornalismo de Interesse Público com a reportagem ‘Violência Obstétrica: se você ainda não acredita, escute essas mulheres’, de autoria de Valéria Mendes. Promovido pelo Sindicato dos Jornalistas de Minas Gerais, é a primeira vez que a categoria ‘Internet’ é contemplada na premiação, sendo a segunda com o maior número de inscrições. No total, 152 trabalhos foram inscritos em seis modalidades: mídia impressa, televisão, rádio, fotografia, internet e jornalismo universitário. Os ganhadores serão conhecidos nesta quarta-feira (17/12).

Para Valéria Mendes, o reconhecimento da relevância da discussão sobre o nascimento no Brasil já é motivo de comemoração, visto que uma em cada quatro mães brasileiras foi vítima de violência obstétrica no país que é campeão mundial de cesarianas. “Fala-se muito da objetificação do corpo da mulher na mídia e nos relacionamentos, mas muitas vezes a própria medicina ignora os direitos reprodutivos e sexuais das mulheres ao se pautar em práticas obstétricas obsoletas e reproduzir o comportamento cultural de invasão sobre o corpo da mulher”, afirma.
FOTO: Projeto 1:4 - Retratos da Violência Obstétrica
A episiotomia é uma prática obstétrica adotada rotineiramente no Brasil, mas tem indicações claras. Clique a saiba mais. (foto: FOTO: Projeto 1:4 - Retratos da Violência Obstétrica )

Com um ano e meio de existência, o Saúde Plena, site de comportamento e bem-estar do Portal Uai, já foi premiado em outras três ocasiões. Veja abaixo e relembre:


Outros três trabalhos do jornal Estado de Minas também estão entre os finalistas. Clique e saiba mais.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE SAÚDE PLENA