Nova técnica utiliza robô contra a calvície

Equipamento facilita o processo de implante capilar, sem necessidade de corte no couro cabeludo

por Renata Rusky 24/11/2014 10:15

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
SXC.hu
(foto: SXC.hu)
Se tem uma coisa que mexe com a autoestima do homem, é a calvície. O implante capilar, tratamento mais efetivo, geralmente é feito de duas formas: uma dolorida, que envolve um corte no couro cabeludo; e outra extremamente demorada, na qual os fios (unidades foliculares) são inseridos um a um, manualmente.

Na semana passada, no entanto, chegou ao Brasil uma terceira opção, que promete superar os inconvenientes dos métodos anteriores. Trata-se do robô Artas, fabricado pela Restoration Robotics, sob a orientação do diretor médico norte-americano Miguel Canales, que esteve aqui.

Canales conta que foram cerca de 10 anos de estudo para desenvolver o equipamento — e mais três para a FDA (órgão regulador dos EUA) aprová-lo. Feito pelo robô, o procedimento é mais ágil, menos doloroso e não deixa cicatrizes. Segundo a empresa distribuidora, Brasília é pioneira em adquirir as máquinas na América do Sul.

Valdo Virgo/CB/D.A Press
Clique na imagem para ampliá-la e saiba mais (foto: Valdo Virgo/CB/D.A Press)

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE SAÚDE PLENA