Opalão envenenado ajuda crianças a perder o medo da quimioterapia. E ele pode ser seu!

Associação Paranaense de Apoio à Criança com Neoplasia faz corrida com carros antigos para distrair pequenos pacientes e tornar o tratamento menos assustador. Veja o vídeo e saiba como ajudar

por Letícia Orlandi 07/08/2014 10:30

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

Reprodução / Youtube
(foto: Reprodução / Youtube)
Um Opala 1974, um dos modelos mais amados no Brasil, com 4.100 cilindradas, 153 cavalos, câmbio automático de quatro velocidades. Com pintura especial de corrida, está tão bem conservado que fica em exibição no Museu do Automóvel de Curitiba. Interessou? Ele pode ser seu. Mas essa nem é a melhor parte.

Esse Opala tornou melhor a vida de várias crianças que enfrentam o tratamento contra o câncer. Percebendo que, no trajeto até o hospital, elas ficavam apreensivas e tinham medo da quimioterapia, a Associação Paranaense de Apoio à Criança com Neoplasia (APACN) teve a ideia de fazer uma ‘corrida’ diferente, com a participação de Ricardo Zonta, piloto de Stock Car e ex-piloto de Fórmula 1. Assista ao vídeo para entender melhor a história da Corrida pela Cura:

 


A escolha do veículo está vinculada à história da instituição filantrópica, sem fins lucrativos, fundada em 1983 e considerada a primeira no Brasil voltada ao amparo e apoio integral às crianças e adolescentes com câncer. A ideia surgiu quando um dos apoiadores da APACN, o médico Eurípedes Ferreira, decidiu doar um Opala 1974 para que a Associação fizesse um sorteio e arrecadasse recursos.

Antes do leilão do veículo, o piloto Ricardo Zonta foi convidado fazer uma surpresa para os pequenos guerreiros: eles entravam na van, acreditando ser mais uma sessão de quimioterapia, mas eram levados para uma espécie de carrinho de brinquedo, um ‘Hot Wheels’ gigante – o Opala caracterizado. “A gente não pode mudar o tratamento. Mas pode fazer o caminho até lá mais divertido”, é a mensagem. Depois da sessão, as crianças ainda participaram de uma corrida, com outros Opalas, em uma pista de verdade.

Os bilhetes para concorrer ao carro são vendidos no site www.corridapelacura.com, por R$20. A campanha é válida nacionalmente. Com o dinheiro arrecadado, serão comprados dois carros de pequeno porte para o transporte de pacientes, além de máscaras, fraldas, alimentação e combustível. A instituição pretende também fazer melhorias na infraestrutura de suas unidades. O sorteio será realizado no dia 22 de novembro. Para saber mais sobre o trabalho da APACN, acesse: http://apacn.com.br/

 

Reprodução / Youtube
Depois de observar o medo que as crianças compartilhavam, a instituição teve a ideia de tornar o caminho até o hospital mais divertido (foto: Reprodução / Youtube)
Reprodução / Youtube
Deu certo! (foto: Reprodução / Youtube)
Reprodução / Youtube
Depois de mais uma sessão de quimioterapia, a apreensão foi substituída pela expectativa antes da corrida (foto: Reprodução / Youtube)
Reprodução / Youtube
Com a ajuda do ex-piloto de Fórmula 1 Ricardo Zonta, as crianças e adolescentes ergueram um troféu particular: o da luta contra o câncer (foto: Reprodução / Youtube)
 

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE SAÚDE PLENA