Três leitoras fazem test-drive sincero dos auto-bronzeadores mais populares do mercado

Se você deseja ter uma corzinha em qualquer época do ano, mesmo sem sol, pode tentar a opção 'artificial'

por Juliana Contaifer 07/03/2014 14:00

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

Quando o verão termina, costuma levar consigo o bronze do corpo. Normal, né? Mas, se você deseja ter uma corzinha em qualquer época do ano, mesmo sem sol, pode tentar a opção “artificial”: os autobronzeadores. Esse tipo de produto reage às proteínas da epiderme, o que gera um escurecimento gradual da pele, além de trazer substâncias hidratantes na formulação. É um bronzeado diferente daquele adquirido na praia, que ocorre num nível celular — são os raios ultravioletas que estimulam a produção da melanina.

Apesar de mais seguros, os autobronzeadores antigos não eram nem um pouco práticos. Manchavam as mãos e as roupas e demoravam a secar. Para fazer o tira-teima e decidir se os produtos modernos realmente funcionam, convocamos algumas de nossas leitoras para testar três autobronzeadores disponíveis no mercado. A auxiliar de comunicação Carolina Huff, 21 anos, escolheu tentar o produto nas pernas. A vendedora Jaqueline Ribeiro, 28 anos, passou o cosmético na área do colo, fazendo um esforço para manter a marquinha do biquíni. E a psicóloga Daniela Mendes, 37 anos, usou o autobronzeador no corpo inteiro. Elas garantem: apesar de alguns problemas na aplicação, os produtos funcionam mesmo.

 

  • Teste 1

Zuleika de Souza/CB/D.A Press e Divulgação / Mary Kay
Carolina Huff: a auxiliar de comunicação testou o Autobronzeador Mary Kay. (R$ 44) (foto: Zuleika de Souza/CB/D.A Press e Divulgação / Mary Kay)
Textura

A textura dele é de creme. É fácil de aplicar, não fica grudento e espalha muito bem.

 

Tempo de secagem

É de uns 10 minutos. Eu esperei sempre em torno de cinco minutos. Era o tempo de sair do banho, pentear o cabelo e escolher uma roupa. Mesmo ele ainda meio úmido na pele, quando eu colocava a roupa, não sentia incômodo algum.

 

Funciona?

Ele funciona de forma bem leve e discreta. Usei só nas pernas e deu um bronzeado legal, sem manchas e que não ficou destoante com o resto do corpo. Na hora de aplicar, eu tomava bastante cuidado para cobrir bem as pernas, mas o joelho eu deixava por último, passando só uma vez o que havia restado na mão depois de passar em toda a perna, para ser bem pouca quantidade mesmo (como eles pedem na embalagem). A diferença é bem sutil, mas comecei a notar mais a partir do quarto dia.

 

Principais dificuldades
A maior mesmo foi o preço, por não ser tão acessível, ainda mais comparando com a quantidade que vem. De resto, não encontrei dificuldades, ele não manchou nenhuma roupa.

 

  • Teste 2

Zuleika de Souza/CB/D.A Press e Divulgação / Boticário
Jaqueline Ribeiro: a vendedora testou o Autobronzeador Golden Plus, do Boticário (R$ 29,99) (foto: Zuleika de Souza/CB/D.A Press e Divulgação / Boticário)
Textura

Similar a um creme hidratante, não lambuza a pele.

 

Tempo de secagem

É como se a pele sugasse o produto; seca bem rápido.

 

Funciona?

Fiquei passando o autobronzeador por cinco dias, uma vez ao dia, e eu não estava vendo muita diferença. Resolvi aplicar duas vezes e comecei a reparar nos resultados. Eu já estava um pouco bronzeada e fiquei tentando contornar a marca do biquíni para continuar com ela. Na comparação com outras áreas do corpo, dá para reparar, ainda que a diferença não seja muito evidente.

 

Principais dificuldades
O produto é bem fácil de usar, não tem cheiro e espalha bem. O único problema é que mancha as roupas. Eu o passava depois do banho e esperava secar. Mesmo assim, o autobronzeador grudou na roupa. Quando eu olhava o avesso da camisa, estava manchada de marrom. Não dá para usar com roupa branca.

 

  • Teste 3

Zuleika de Souza/CB/D.A Press e Divulgação / Dove
Daniela Mendes: o produto testado pela psicóloga foi o Dove Summer Tone (R$ 14,99) (foto: Zuleika de Souza/CB/D.A Press e Divulgação / Dove)
Textura

É como um hidratante. Um dos problemas é que, quando aplico, não dá para saber onde já passei, para manter a camada uniforme. Acabei gastando muito do produto.

 

Tempo de secagem

Demora bastante, pelo menos uns 20 minutos. Mas, depois que seca, não mancha as roupas.

 

Funciona?

Sou muito branquinha e percebi a diferença depois de passar o autobronzeador duas vezes. O problema é que, se eu paro de passar, em dois dias o efeito desaparece.

 

Principais dificuldades

As instruções da embalagem são muito pequenas. Não dá para ver direito. Eu sei porque uso autobronzeadores há algum tempo, mas, se não lavar as mãos depois da aplicação, elas ficam amarelas. E o bronzeado não fica uniforme, dá para ver algumas manchas. Eu faço krav-magá, como suo muito, é possível reparar que as gotinhas deixam marcas no corpo.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE SAÚDE PLENA