Prince morreu sem pagar o advogado de seu divórcio, segundo site

Dívida do cantor é de aproximadamente US$ 600 mil

por Estado de Minas 20/12/2016 09:55
Reprodução
Prince deixou de pagar dívida milionária antes de morrer. (foto: Reprodução)
 
Prince deixou mais do que uma fortuna e um grande legado na cultura pop antes de partir. De acordo com o site de notícias americano TMZ, o cantor não pagou o advogado de seu último divórcio. 
 
O escritório de advocacia Cousins Law Firm, da Flórida, nos Estados Unidos, entrou com uma ação contra o cantor exigindo o pagamento da dívida de US$ 599.735,63 referente aos serviços prestados a Prince em 2006, quando ele se divorciou de sua segunda esposa, Manuela Testolini. 

Segundo o porta-voz do escritório de advocacia, a Cousins Law Firm entrou em um acordo com Prince, e o cantor só teria que pagar a conta depois que todos os desdobramentos do processo estivessem resolvidos. Ao TMZ, o porta-voz não revelou o que teria complicado em 10 anos o encerramento do caso na justiça, que aconteceu 20 dias antes da morte do cantor.

A dívida, no entanto, não deverá ser um problema. Não se conhece exatamente o tamanho da fortuna de Prince, mas estima-se ser superior a 27 milhões de dólares. 

Prince foi encontrado morto em 21 de abril, em sua casa, em Minnesota, nos Estados Unidos. De acordo com o relatório da perícia, a causa da morte foi uma overdose acidental de opioides - analgésicos indicados para uso supervisionado contra a dor. 



VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA