Gilberto Gil vence processo contra Universal Music

Gravadora está impedida de comercializar músicas do cantor na internet

por Estado de Minas 23/09/2016 14:46

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

Facebook Gilberto Gil/Reprodução
Gravadora perdeu o domínio sobre canções como 'Aquele abraço' e 'Expresso 2222' (foto: Facebook Gilberto Gil/Reprodução)
cantor Gilberto Gil venceu uma ação movida na Justiça contra a Universal Music. A gravadora - uma das maiores do mundo - utilizava contrato assinado na década de 1970, quando não existia internet, para comercializar obras do artista em meio virtual. A informação é da coluna de Ancelmo Gois, do jornal O Globo.

 

O comércio de conteúdo audiovisual antigo necessita de um acordo entre as partes, já que os contratos assinados no período anterior ao surgimento da internet não previa os novos recursos. Com a vitória de Gil na Justiça, a Universal Music perdeu o domínio sobre canções como Aquele abraço, Expresso 2222, entre outros sucessos do cantor.

 

Gil é um dos membros da Associação Procure Saber, que busca assegurar os direitos dos artistas brasileiros. Recentemente, a organização divulgou um manifesto contra o Google, questionando a reprodução de obras - em sites como o Youtube - sem o devido pagamento por direitos autorais. Também são engajados na causa cantores como Caetano Veloso, Roberto Carlos e Chico Buarque.



VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA