Violonista e compositor Márcio Brito lança seu primeiro disco solo no Museu de arte da Pampulha

Apresentação será nesse sábado, dia 6. 'Marcha para a fantasia' é instrumental e tem 10 faixas, com participação do violonista Lucas Brito, seu filho

04/08/2016 18:56
Marcio Britto/Divulgação
(foto: Marcio Britto/Divulgação)
O violonista Márcio Brito lança seu primeiro disco solo, 'Marcha para a fantasia', nesse sábado, dia 6, com show no Museu de Arte da Pampulha, a partir das 20h30. Com dez faixas, o trabalho é instrumental e tem participação do também violonista Lucas Brito, filho do artista, que divide com o pai a direção musical e a produção. A entrada é franca.

Márcio Brito começou a tocar violão aos 11 anos. Aprendeu o básico com o professor José Bicalho e deu continuidade aos estudos no instrumento de forma autodidata. Começou tocando choros e valsas de Dilermando Reis e até os 15 anos passou pelo rock, blues, MPB, música clássica, flamenco, música oriental, jazz e sons para meditação. Trabalhou com artistas como a cantora Lilian Palermo e Joca Libânio.

Ao lado de Benedikit Wiertz, Carlos Enerst e Daniela Rennó, formou o grupo Kirwani, que misturava elementos estéticos da músicas ocidental e oriental. Com o violonista Roberto de Oliveira gravou o disco instrumental 'Cordas e janelas', que lhe rendeu o Prêmio BDMG Instrumental (na quarta edição) - e o público elegeu a apresentação da dupla como a melhor do evento.

Marcha para a fantasia
Show de lançamento do disco de Márcio Brito, com participação do violonista convidado Lucas Brito. Sábado, dia 6, às 20h30, no Museu de Arte da Pampulha (Avenida Otacílio Negrão de Lima, 16.585, Pampulha). Informações: (31) 3277-7946. Entrada franca.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA