Biel fará show na Olimpíada mesmo após ser vetado do revezamento da tocha

Cantor foi impedido de carregar a tocha após ser acusado de assediar repórter

por Diário de Pernambuco 21/07/2016 12:40

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Divulgação
Cantor divulgou um vídeo no qual pede desculpas à repórter e mulheres (foto: Divulgação)

O cantor Biel é um dos artistas escalados para se apresentar durante os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, mesmo após ter sido vetado do revezamento da tocha após as denúncias de assédio sexual. Ele se apresentará no dia 21 de agosto, no Boulevard Olímpico armado em um centro esportivo em Campo Grande.

A confirmação foi feita na noite desta quarta-feira, quando foi divulgada a programação musical gratuita da Olimpíada. O pagamento será feito pela prefeitura do Rio de Janeiro, mas o valor não foi divulgado. Questionado pelo Portal Uol, o secretário municipal de Turismo, Antônio Pedro de Mello, disse não saber da denúncia contra o artista.

Biel iria carregar a tocha olímpiada em Fortaleza, no Ceará, mas foi cortado após matéria divulgada de áudios nos quais ele chama a repórter Giulia Ferreira, do Portal IG, de "gostosinha". Ele também disse que a "quebraria ao meio" e "estupraria rapidinho", além de propor provar que não é homossexual. Nesta quarta-feira, pela primeira vez, a estudante falou sobre o assunto, em entrevista ao Programa do Gugu.

A reportagem, publicada no dia 4 de junho e assinada pela editora-executiva Patrícia Moraes, teve ampla repercussão nacional. Poucos dias depois, Giulia foi demitida, sob a justificativa de que a empresa trocaria estagiários por repórteres. Na semana seguinte, Patrícia foi desligada.

Os pernambucanos Mombojó, Johnny Hooker e Nação Zumbi também vão participar da festa, no Espaço Encontros, na Praça Mauá. A Nação divide o palco com Paralamas do Sucesso, enquanto Mombojó se apresenta com Elza Soares. Todos os shows são gratuitos.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA