'Não sou pôster, sou ser humano', diz Jorge, da dupla com Mateus, após se irritar com fãs

O cantor sertanejo se surpreendeu com a presença de um grupo de fãs no aeroporto de madrugada após um show

por Estado de Minas 24/05/2016 10:59

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

Reprodução Facebook
O cantor Jorge foi abordado pelos fãs de madrugada, no aeroporto, e reclamou da falta de privacidade (foto: Reprodução Facebook )
 O cantor sertanejo Jorge se irritou com um grupo de fãs que o aguardavam no aeroporto na madrugada do último domingo. A dupla do cantor Mateus achou invasiva a forma como as pessoas o abordaram depois do show. Bastante nervoso ele disse que não era um pôster, mas ser humano. Segundo o músico, já havia atendido 150 pessoas no camarim.

"Não é hora de vir esperar ninguém no aeroporto. Isso não é amor! Tem gente que deixa o filho em casa pra vir no aeroporto esperar o cantor. Muitas pessoas fazem isso. Você [aponta para uma moça] estava lá no show, precisava vir pra cá? A atenção que a gente dá no show não é o suficiente? Atendi mais de 150 pessoas hoje e chego no aeroporto e tem mais essa galera pra atender! E eu não descanso nunca? Não tenho descanso? Não sou ser humano? Eu sou sincero, não sou bravo. A gente tem que ser sincero com as pessoas", desabafou o cantor sertanejo.

Segundo Jorge ele tem o hábito de conversar com seus admiradores. Mesmo assim, deu sinais de se sentir sufocado com a imensa necessidade dos fãs. “Se vocês estão aqui é porque vocês gostam de mim e eu gosto de vocês também. A gente não pode ser fanático pelas coisas, entendeu? Você [aponta para uma garota] estava lá e te vi o tempo inteiro, certo? A gente não precisa sair correndo pra tirar foto no aeroporto com o cantor. Isso é muito ruim, feio. É desnecessário. Abraço eu vou te dar, não vou tirar foto com você. Tem que ser humano e tratar como ser humano. As pessoas nos cobram o tempo todo, mas nós não devemos nada para as pessoas. Não é assim que funciona na vida. Carinho, amor, a gente transmite pelo olhar", explicou Jorge.

 

 

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA