Festival no Mercado do Cruzeiro reunirá banda de rock com produção autoral

Banda brasiliense Scalene e as belo-horizontinas Tianastácia, Desorquestra e Noveora tocarão na festa

14/05/2016 10:36

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Luringa/divulgação
A banda brasiliense Scalene se apresenta hoje em Belo Horizonte (foto: Luringa/divulgação)
Hoje tem rock no Mercado Distrital do Cruzeiro. Festival vai reunir a banda brasiliense Scalene e as belo-horizontinas Tianastácia, Desorquestra e Noveora %u2013 todas voltadas para a produção autoral. A convidada Scalene é formada por Gustavo Bertoni (guitarra e vocal), Tomas Bertoni (guitarra), Lucas Furtado (baixo) e Philipe %u201CMakako%u201D (bateria e vocal). Vai mostrar músicas de seus dois discos (Real/Surreal e Eter) e de dois singles (Entrelaços e Inércia) disponibilizados na internet. Trata-se do aquecimento para o primeiro DVD do grupo, que sai no segundo semestre. %u201CÉ rock alternativo brasileiro com pegada experimental, ritmos brasileiros e melodias tradicionais. Nosso catálogo musical é amplo, abriga de baladas a rock pesado%u201D, conta Lucas. O interesse pela música brasileira, especificamente por movimentos que estiveram na origem do pop rock nacional, como a Jovem Guarda e o Tropicalismo, carrega a admiração da banda por essa produção. %u201CProcuramos trazer isso para o nosso tempo%u201D, observa o baixista. Outras referências são Queens of Stone Age, Radiohead, O%u2019Brother e Thrice. Lucas conta que a busca por identidade sonora mais nítida veio depois do momento inicial da Scalene voltado para o pop-punk e da fase experimental, ligada ao rock pesado. O fato de o pop rock nacional ser muito homogêneo ganha explicação do músico: %u201CCada geração tem grupos com identidade e som autêntico. Só que quando eles ganham destaque, surgem milhões de clones e cópias, na maior cara dura. O resultado é a mesmice. Gostaríamos de romper com isso%u201D, garante. Formada em 2009, Scalene toca pela terceira vez em Belo Horizonte, depois de se apresentar nas casas Matriz e Circus. Ao citar as canções que %u201Ctraduzem%u201D a banda, ele cita Surreal, Danse macabre e Histeria. Cria da cena rock de Brasília, o baixista conta que ela continua efervescente. %u201CEstão surgindo várias bandas novas, cada uma fazendo algo diferente. O holofote do rock nacional volta a ser Brasília%u201D, garante. Entre os grupos que vale a pena conhecer ele cita Alarmes (indie), Dona Cislene (%u201Cmais punk%u201D) e Trampa (%u201Cindustrial%u201D). E avisa: %u201CEles estão vindo com tudo%u201D. Durante o festival, os DJs Nest, Motoca e Mayrink farão sets de rock. A Trupe Gaia realizará intervenções circenses. No local serão instaladas tendas dedicadas a moda, tatuagens e body piercing. O festival apoia a campanha em prol do Hospital da Baleia e vai rifar guitarra autografada por todos os integrantes do Iron Maiden. (WS) CIRCUITO DO ROCK FESTIVAL Hoje, das 19h às 2h. Mercado Distrital do Cruzeiro,.Rua Opala, s/nº, Cruzeiro. Ingressos: R$ 50 (segundo lote).

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA