Fãs pedem que Nicki Minaj cancele show de fim de ano em Angola

O evento está interligado com o ditador Eduardo dos Santos, que lidera o país há 36 anos

por Correio Braziliense 17/12/2015 15:00

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Ethan Miller/Getty Images/AFP
(foto: Ethan Miller/Getty Images/AFP)
A cantora Nicki Minaj está sendo pressionada por fãs e ativistas para cancelar um show programado para acontecer em Luanda, capital de Angola, neste sábado, 19. O evento está atrelado à família do governante Eduardo dos Santos, que lidera o país num sistema ditatorial há 36 anos e nunca foi formalmente eleito.

Membros da organização Fundação dos Direitos Humanos já entraram em contato com os representates da artista pedindo para que o show seja cancelado como repúdio. Segundo comunicado da organização, "Nicki Minaj é uma artista global. Milhares de pessoas olham pra ela como inspiração. Não é interessante para ela ficar ligada a ditadora corrupta de Angola".

"Nicki tem seu nome ligado a eventos de caridades como o Get Shoooled Foundation, cujo objetivo é ajudar jovens a se formarem no colégio. Que tipo de inpiração ela dará os jovens angoleses se apresentado para um ditador que estirpa a liberdade e o futuro deles", disse Thor Halvorssen, presidenteda da fundação.

Em 2013, Mariah Carey passou pelo mesmo problema. Na época, a diva recebeu mais de US$ 1 milhão para se apresentar ao ditador e recebeu duras críticas. A cantora, até o momento, não se manifestou sobre a questão.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA