Mallu Magalhães divulga carta emocionada a Gal Costa por gravação de música

Primeiro single do disco 'Estratosférica', 'Quando você olha pra ela', de Mallu, foi lançado nesta segunda

por Luiza Maia 14/05/2015 12:16

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

Sony/Divulgação
Capa do disco 'Estratosférica', previsto para o fim de maio (foto: Sony/Divulgação)
A cantora e compositora paulista Mallu Magalhães, de 22 anos, publicou na noite da última terça-feira, em sua página oficial do Facebook, uma carta de agradecimento a Gal Costa. A canção 'Quando você olha pra ela', de Mallu, foi o primeiro single lançado do disco 'Estratosférica', previsto para o dia 26 de maio. A gravação tem participação de Pupillo, baterista da Nação Zumbi, e está disponível no YouTube desde a segunda-feira.

"Mas hoje, por dentro, um imenso banho sem precedentes na minha alma e todos seus frutos. Por fora, minha pele se nutriu e meu cansaço curou. Isso sem falar do que ela fez da minha música. Assumo, a partir de hoje, o compromisso de fazer apenas grandes canções, para honrar com o posto de compositora gravada pela Gal", disse Mallu.

Em 'Estratosférica', com direção artística de Marcus Preto e produção de Kassin e Moreno Veloso, Gal Costa interpreta 16 canções inéditas e grava novos nomes da música popular brasileira. Os pernambucanos Pupillo e Junio Barreto assinam a faixa-título, em parce'ria com Céu, e Junio, Lira e Bactéria, da Mundo Livre S/A, compuseram 'Jabitacá', também inserida em 'O labirinto e o desmantelo, novo álbum do ex-vocalista do Cordel do Fogo Encantado.

Namorado de Mallu, o hermano Marcelo Camelo escreveu com o irmão, Thiago, 'Espelho d'água', nome da turnê apresentada por ela em abril no estado. O rapper paulista Criolo divide com Milton Nascimento e autoria de 'Dez anjos'.

Arnaldo Antunes colabora com duas faixas: 'Amor, se acalme', em coautoria com Marisa Monte e Cezar Mendes, e 'Átimo de som', com Zé Miguel Wisnik. Já o obrigatório Caetano, autor de todas as faixas do projeto anterior, 'Recanto' (2011), colabora com 'Você me deu', dele e Zeca Veloso.

Confira a carta na íntegra:

Facebook/Reprodução
Mallu é uma das compositoras da nova geração escolhidos por Gal para o novo disco (foto: Facebook/Reprodução)
"GAL

Será preciso muito mais do que os dias que demorei para escrever sobre o tamanho do presente que ganhei. Ainda lembro e ainda guardo a colagem que fiz da primeira vez que escutei Gal cantar, na entrada da minha adolescência, numa fileira de música brasileira nas lojas de CD. Persegui livros que a mencionassem, tirei cópia, depois recortei e colei. Várias fotos dela: uma pequena bandeira, um retrato da heroína, um brasão com os rostos da rainha.

Desde então, sou seu soldado. Seu canto virou hino do povoado que é minha existência.

Mas hoje, por dentro, um imenso banho sem precedentes na minha alma e todos seus frutos. Por fora, minha pele se nutriu e meu cansaço curou. Isso sem falar do que ela fez da minha música. Assumo, a partir de hoje, o compromisso de fazer apenas grandes canções, para honrar com o posto de compositora gravada pela Gal.

Se ela tinha meu sangue, espada e coração, agora tem também meu sorriso amolecido, mandando cair lágrimas doces e coloridas pelas minhas bochechas.

A mim, resta torcer que esta noite minha gratidão chegue aos cachos que a coroam, junto ao enorme abraço que mando carinhosamente a ela e a todos que a cercam.
"

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA