Estrelas do rock mortas têm playlists favoritas psicografadas por médium

John Lennon, Kurt Cobain e Raul Seixas estão entre os 12 artistas mortos psicografados pela médium Carmem Tiepolo para documentário. "Trabalho com todos eles há muitos anos"

por Correio Braziliense 16/03/2015 18:54

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Se você acredita no sobrenatural e já se perguntou o que certas estrelas do rock estão pensando do cenário musical da atualidade, aqui está a sua chance de descobrir. Um documentário chamado R.I.P. - Rest in Playlist, produzido pela rádio gaúcha Putzgrila em parceria com a médium Carmem Tiepolo, divulgou uma lista de músicas favoritas de vários artistas famosos já mortos, além de curiosidades sobre como eles tem 'passado a morte'.
 
Reprodução/Documentário R.I.P
(foto: Reprodução/Documentário R.I.P)
 

Carmem contou que o critério dos artistas para escolher as canções não era apenas o gênero. Os espíritos teriam levado em consideração a parte técnica, a melodia, a produção dos clipes e outros aspectos. "Eu trabalho com todos eles há muitos anos, comecei a ser médium com 12 anos e hoje tenho 60, então já os conhecia", contou a médium ao Correio.

E as revelações de Carmem não terminam por aí. Segundo ela, alguns desses artistas têm repertório pós-morte e a procuram para psicografar letras e melodias novas. "Já gravamos algumas músicas e certos artistas até entram no meu corpo para ir até o estúdio participar". No canal do Youtube de Carmem é possível ouvir uma música que teria sido escrita por Ayrton Senna para Xuxa. Aos criadores do documentário R.I.P. a médium contou, ainda, que o piloto brasileiro aprendeu a tocar violão com John Lennon, com quem mora hoje em um castelo. 

Camilo Bassols, membro da rádio Putzgrila, disse ao Correio que o material entregue pela médium faz crer, de forma geral, que os espíritos tiveram mesmo alguma participação na elaboração das playlists. "Muitas coisas casam bem com os criadores das listas e algumas outras nos fazem desacreditar. Mas como saber o que muda na cabeça de um espírito após tantos anos do lado de lá?"
 
Reprodução/Google
(foto: Reprodução/Google)
 
A lista de 12 artistas do documentário R.I.P. é composta pelas músicas favoritas de John Lennon, Brian Jones (Rolling Stones), Kurt Cobain (Nirvana), Raul Seixas, Jimi Hendrix, Joey Ramone (Ramones), Renato Russo, Janis Joplin, Freddie Mercury, Jim Morrison (The Doors), Cliff Borton e Dinho (Mamonas Assassinas). 

No top 10 de Renato Russo, ex-vocalista do Legião Urbana, estariam Lana Del Rey e Coldplay. Cliff Burton, baixista do Metallica, gosta de Arctic Monkeys e Guns N' Roses. Já a segunda música favorita na lista de Freddie Mercury, fundador da banda de rock Queen, seria Treasure, do Bruno Mars. 
 
 

Bem, imaginar a cena de Senna e John Lennon morando juntos fica por sua conta, mas para saber mais curiosidades do gênero é só escutar, na íntegra, os episódios de R.I.P. no site da rádio, que pretende dar continuidade ao projeto a pedido de músicos que ficaram de fora. “Alguns artistas ficaram muito indignados por não terem sido convidados, como Tim Maia. Isto provavelmente nos levará a produzir uma segunda temporada”,  declarou Camilo.


VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA