Dave Grohl e Courtney Love selam paz vinte anos após morte de Kurt Cobain

Viúva de vocalista do Nirvana reconciliou-se com antigo baixista da banda e exibiu encontro em rede social: ''se nós podemos fazer isso, todo mundo pode, porque o amor é tudo''

por Fernanda Machado Agência Estado 15/10/2014 18:17

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Facebook/Courtney Love/Reprodução
(foto: Facebook/Courtney Love/Reprodução)
O fim de 20 anos de intrigas, desaforos e processos na justiça entre a viúva de Kurt Cobain, Courtney Love, e o ex-Nirvana e líder do Foo Fighters, Dave Grohl, já começou a render fotos dos dois juntos nas redes sociais. Na última terça-feira, 14, Love registrou um encontro com Grohl em sua página no Facebook. A legenda dizia apenas: "Grohl".

"Não é o clique mais lisonjeiro de nenhum de nós dois. Mas se nós podemos fazer isso, todo mundo pode, porque o amor é tudo, queridos. O amor é tudo", disse a viúva de Cobain em comentário na rede social.

As estrelas do rock voltaram a se falar em abril deste ano. Na cerimônia de entrada do Nirvana no Hall da Fama do Rock N' Roll, os dois se abraçaram em público pela primeira vez após a morte de Cobain, em 1994.

Brigas
Depois do suicídio de Kurt Cobain, a Nirvana L.L.C. foi criada em 1997 para cuidar de assuntos ligados à banda. Em 2001, Love iniciou um processo judicial para dissolver a parceria com os outros dois membros do trio Nirvana, Grohl e o baixista Krist Novoselic.

Essa foi a primeira de muitas batalhas judiciais que viriam entre eles. Love chegou a dizer que Grohl vivia do legado de seu falecido marido. A Rolling Stone reportou que Grohl chegou a insultar a viúva em um show do Foo Fighters. A troca de farpas chegou até as redes sociais, que agora, ao que parece, são a vitrine da nova amizade entre os roqueiros.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA