Com demência, ex-guitarrista do AC/DC é internado em Sydney, diz revista

Malcolm Young teve a saída da banda anunciada oficialmente na última quinta-feira

por AFP 26/09/2014 08:37

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
CHRISTOPHE SIMON / AFP
Angus (à esquerda) e Malcolm Young (à direita) foram os fundadores da banda. Na última quinta-feira Malcolm teve a aposentadoria anunciada pelo próprio AC/DC (foto: CHRISTOPHE SIMON / AFP)
Malcolm Young, um dos fundadores do grupo de rock australiano AC/DC, que teve a aposentadoria anunciada na quinta-feira por problemas de saúde, sofreria de demência, afirma a imprensa australiana.

O guitarrista, de 61 anos, já tinha se afastado da banda no início do ano por motivo de saúde. Ele recebe tratamento em uma clínica especializada de Sydney.

"Perdeu por completo a memória imediata", escreveu Bernard Zuel, um conhecido crítico musical. Outros meios de comunicação também mencionam a demência ou que ele teria sofrido um acidente vascular cerebral em 2013.

O grupo anunciou o lançamento em 1 de dezembro de um novo álbum, "Rock or Bust", e uma nova turnê mundial.

Na turnê, Malcom será substituído pelo sobrinho Stevie Young. Stevie foi o responsável pelas guitarras no novo disco da banda, 'Rock or bust', que será lançado em dezembro.

O AC/DC, um dos grupos de rock mais populares e rentáveis de todos os tempos, foi fundado em 1973 pelos irmãos Angus e Malcom Young e já vendeu mais de 200 milhões de discos.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA