Iggor e Max Cavalera voltam a BH para show no próximo sábado: ''é a terra da gente''

Fundadores do Sepultura se apresentam com o Cavalera Conspiracy, juntos na terra natal pela segunda vez em 20 anos

por Fernanda Machado 08/09/2014 18:00

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

Divulgação
Max e Iggor Cavalera estão juntos novamente em Belo Horizonte (foto: Divulgação)
Quando o assunto é metal, o nome — ou melhor, o sobrenome — Cavalera é sinônimo de respeito em qualquer parte do planeta. Os irmãos Max e Iggor saíram do bairro Santa Tereza, em Belo Horizonte, para ganhar o mundo com o Sepultura, fundado por eles no início da década de 1980. Depois de desentendimentos e separações, os dois estão juntos novamente com o Cavalera Conspiracy, fazendo o que os consagrou no universo do rock pesado. O grupo, radicado nos Estados Unidos, está em turnê pela América do Sul e desembarca na terra natal para apresentação no Music Hall neste sábado, 13, às 20h.

A dupla passou dez anos sem se falar, desde que Max deixou o Sepultura, em 1997. Em 2007, Iggor também rompeu com o grupo e fez as pazes com o irmão, reatando não só as relações pessoais, mas também as musicais. Depois de assumir as baquetas em alguns shows do Soulfly, banda montada por Max nos EUA assim que saiu do Sepultura, Iggor foi convidado por ele para tocarem juntos novamente em uma banda. Surgiu então o Cavalera Conspiracy, que conta ainda com o guitarrista Marc Rizzo e o baixista Nate Newton. O grupo está prestes a lançar seu terceiro álbum, fazendo jus à respeitosa bagagem sonora da família.

"Porradaria", assim Max Cavalera define o próximo álbum do Cavalera Conspiracy, chamado 'Pandemonium', que será lançado no próximo mês. Segundo ele, o disco será mais pesado que os outros dois já lançados pelo grupo: "Falei com Igor para tocar bem rápido, queria algo que lembrasse o 'Arise' (álbum do Sepultura de 1991), bem underground. Eu que produzi e gravamos na casa de um metaleiro parceiro nosso lá em Phoenix. O som está bem influenciado pelo grindcore, que é um estilo que tenho ouvido bastante ultimamente", ele explica.

Além de algumas faixas do novo disco, quem estiver presente no Music Hall na noite de sábado poderá relembrar grandes momentos dos dois irmãos nos tempos de Sepultura. "Os shows da turnê tem sido muito bons e em BH vai ser ainda melhor. Estamos com um setlist bem misturado, com coisas dos dois primeiros discos do Cavalera e vários clássicos do Sepultura e do Nailbomb. Para o público de BH nós ainda preparamos uma surpresinha especial", adianta Max. Antes de Belo Horizonte, a turnê do Cavalera Conspiracy passou por Brasília, Manaus, Belém, Fortaleza, Recife e Salvador.

 

Ouça 'Bonzai kamikaze', uma das faixas do novo álbum:

 

 

De volta à terra natal
Será a segunda vez que O Cavalera Conspiracy se apresenta em Belo Horizonte. A primeira foi em 2012. Antes disso, os dois irmãos não tocavam juntos na própria cidade desde 1994, quando ainda faziam parte do Sepultura. “É muito legal voltar a BH, é emocionante, principalmente com o Iggor, já que começamos isso juntos, no Santa Tereza e na Cogumelo. É sempre especial, é a terra da gente, queremos fazer o melhor show possível", conta Max sobre a experiência de retornar à cidade.

Perguntado se na correria da turnê será possível rever os lugares e os amigos, Max diz que sim: “Acho que vamos ter um tempinho sim. Gostaríamos de ir em Santa Tereza ver os parentes, comer um pão de queijo e tomar um Mate Couro. É sempre bom rever o bairro, eu adoro, acho muito bonito, muito especial e dessa vez quero que o Iggor vá comigo, porque da última ele estava ocupado e fui só eu, dessa vez levarei ele comigo para visitar nossas tias”.

O show de sábado contará com a abertura das bandas Project 46 e Capadocia, duas representantes da cena contemporânea do metal paulista. Antes do show em BH, a turnê ainda passa por Curitiba na quarta-feira, Rio de Janeiro, na quinta, São Paulo, na sexta. Depois do show na capital mineira, segue para Porto Alegre, Buenos Aires, na Argentina, , Santiago, no Chile, e Quito, no Equador.

Cavalera Conspiracy em BH
Abertura de Project 46 (São Paulo) e Capadocia (São Paulo). Sábado, 13 de setembro, às 20h, no Music Hall (Av. do Contorno, 3239, Santa Efigênia). Ingressos: lote promocional: R$75(meia) e R$150(inteira), à venda apenas na loja 53HC (Rua Rio de Janeiro, 630, loja 53, Centro). Pista: R$80 e (meia) R$160 (inteira); camarote: R$130(meia) e R$260(inteira). Estes lotes estão à venda aqui. Censura: 16 anos. Mais informações: (31)3271 7237

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA