Taiwanesa e itailano regem filarmônica mineira nesta quinta

Concerto acontece no Palácio das Artes

por Estado de Minas 14/08/2014 08:41

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Rosalie O'Connor/divulgação
Mei-Ann Chen vai reger a filarmônica mineira (foto: Rosalie O'Connor/divulgação)
Dois convidados especiais subirão ao palco com a Orquestra Filarmônica de Minas Gerais no concerto desta noite. Diretora musical da Memphis Symphony e da Chicago Sinfonietta, a maestrina Mei-Ann Chen regerá a execução de A gruta de Fingal (Mendelssohn), A ilha dos mortos (Rachmaninoff) e interlúdios da ópera Peter Grimes (Britten). O italiano Umberto Clerici vai interpretar o Concerto para violoncelo nº 1 em lá menor, op. 33, de Saint-Saëns, e o Adágio com variações para violoncelo e orquestra, de Respighi.

Taiwanesa radicada nos Estados Unidos, Mei-Ann Chen foi maestrina assistente da Atlanta Symphony e das sinfônicas de Baltimore e do Oregon. Com Marin Alsop (que atualmente comanda a Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo) e Stefan Sanderling, ela fez elogiados concertos com as sinfônicas do Colorado e de Baltimore.

Nascido em Turim, Umberto Clerici, de 33 anos, começou a estudar violoncelo aos 5. Ele foi aluno do conhecido instrumentista Antonio Mosca no conservatório de sua cidade natal.

SÉRIE ALLEGRO
Palácio das Artes, Avenida Afonso Pena, 1.537, Centro, (31) 3236-7400. Hoje, às 20h30. Ingressos: R$ 70 (plateia 1), R$ 54 (plateia 2) e R$ 36 (plateia superior).

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA