Festival Nacional da Canção chega à 44ª Edição com 140 inscritos

Primeira eliminatória acontece neste fim de semana em Extrema, no Sul de Minas

01/08/2014 09:50

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
O Festival Nacional da Canção (Fenac) chega à 44ª edição recebendo nada menos de três mil inscrições. Este ano, vão concorrer ao Troféu Lamartine Babo compositores consagrados como Lenine, Lô Borges, Rodrigo Borges e Paulinho Pedra Azul.

A primeira eliminatória será realizada nesta sexta-feira, 1º, e no sábado em Extrema, no Sul de Minas. A finalíssima está marcada para 5 a 7 de setembro, em Boa Esperança, com distribuição de R$ 220 mil em prêmios. Foram selecionadas 140 canções, representando 18 estados – 41 delas de Minas Gerais. Os candidatos são de Contagem, Belo Horizonte, Boa Esperança, Divinópolis, Extrema, Formiga, Governador Valadares, Itabira, Janaúba, Montes Claros, Paracatu, Pouso Alegre, Sete Lagoas, Três Pontas e Varginha.
Bárbara Dutra/divulgação
Lô Borges tem uma obra entre as 140 canções concorrem ao Troféu Lamartine Babo; 18 estados estarão representados no festival, que distribuirá R$ 220 mil em prêmios (foto: Bárbara Dutra/divulgação)
Lô Borges e o sobrinho Rodrigo inscreveram 'Deixa tudo ser' e 'Qualquer palavra' (com participação de Lenine). Diórgem Júnior, de Governador Valadares e vice-campeão na edição do ano passado, apresentará 'Água senhora'.

As próximas eliminatórias estão marcadas para os dias 8 e 9 (Formiga), 15 e 16 (Varginha), 22 e 23 (Guapé) e 29 e 30 (Três Pontas). Todas essas cidades sediarão também o Festival Nacional da Cultura, cuja programação inclui ópera e concertos de música clássica, além de peças teatrais e espetáculos circenses.

Realizado desde 1971, o Fenac mantém a tradição dos festivais que há décadas levam cultura e lazer ao interior do estado. No início do evento, durante a ditadura civil-militar, vários autores amargaram a proibição de suas canções. Letras de protesto costumavam ser “tesouradas” pela censura.

Juiz de Fora, Viçosa e Raul Soares, na Zona da Mata, são algumas das cidades mineiras que promoviam importantes festivais nas décadas de 1970 e 1980. Informações: www.festivalnacionaldacancao.com.br.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA