Cantor e compositor Tiago Iorc faz única apresentação no Teatro Bradesco

Artista traz o show intimista 'Voz %2b Violão' à capital nesta sexta, às 21h

por Mariana Peixoto 13/06/2014 06:00

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Renato Kent/Divulgação
(foto: Renato Kent/Divulgação)
Em um show recente, Tiago Iorc perguntou ao público o que queria ouvir. Entre um pedido e outro lá veio o indefectível “Toca Raul!”. E tocou, um trecho, pela primeira vez na vida. Situações como esta tem sido vividas pelo cantor e compositor desde que estreou a turnê 'Voz + violão'. Sozinho no palco e acompanhado somente do instrumento que toca desde a infância, ele tem possibilidades de ousar. “Esse é o formato que traduz a minha relação íntima com a música. Eu já vinha fazendo alguns shows assim. Como deu certo, pensei que faria sentido em fazer uma turnê dessa maneira”, comenta ele, que leva hoje o show em formato intimista para o Teatro Bradesco.


Com três álbuns já lançados, Iorc – nascido em Brasília de família gaúcha, criado entre Londres e Curitiba –, ficou conhecido por compor e gravar em inglês. Emplacou uma série de canções em produções televisivas: uma regravação de 'My girl', de Smokey Robinson em 'Viver a vida'; 'Fine', 'Story of man' e 'Nothingn but a song' em Malhação e por aí vai. “Componho em inglês há muito tempo, então naturalmente escrever assim se tornou mais fácil”, comenta ele. Mas cantar em português também traz um público maior, tanto que em seu mais recente álbum, 'Zeski' (2013), é bilingue.

“Na hora de compor, as duas línguas têm nuances muito distintas. Mas vi que o português abre outras possibilidades, pois acabou me conectando com um outro público”, continua. Pois bem, para esta noite, Iorc promete canções de seu repertório autoral, como as já citadas, bem como versões. Entre elas estão 'The scientist', do Coldplay, 'Creep', do Radiohead e 'Sorte', mais conhecida nas vozes de Gal Costa e Caetano Veloso. E, claro, alguma coisa que o público peça.

“Além de me permitir tocar o que quero, nesse tipo de show fico mais silencioso e próximo do público. Mesmo que eu tenha um roteiro, cada show é diferente.” O formato enxuto não impediu que Iorc continuasse a se apresentar com sua banda. Faz isso sempre que o show permite, geralmente aqueles voltados para um público maior, em locais abertos.


TIAGO IORC
Show nesta sexta-feira, às 21h, no Teatro Bradesco, Rua da Bahia, 2.244, Lourdes. Ingressos: R$ 80 e R$ 40 (meia).

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA