Polícia recupera suposto violino Stradivarius, avaliado em milhões de dólares, 16 anos após roubo

Comparado pelo dono às obras de Michelangelo, instrumento foi encontrado pela polícia no Canadá

por AFP Fernanda Machado 22/05/2014 17:46

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Dois violinos, um deles com a assinatura Stradivarius, foram encontrados recentemente em Quebec, no Canadá, 16 anos após terem sido roubados, indicaram fontes oficiais. Os dois instrumentos, roubados em 1998 em Montreal em um carro estacionado, foram encontrados na semana passada intactos, disse nesta quinta-feira, 22, o capitão da Polícia de Quebec, Richard Gauthier.

"Perder uma joia como esta, que comparo com as obras de Michelangelo e Da Vinci, porque têm a mesma idade, foi uma grande humilhação. Chorei por semanas", disse seu legítimo proprietário, que pediu anonimato, ao Journal de Montreal, que revelou a história nesta quinta-feira.

O valor atual dos dois violinos é desconhecido, mas o seu proprietário tinha pago US$ 40.000 por um e 16.000 pelo outro. Um dos instrumentos guarda a menção "Antonio Stradivarius 1685", referindo-se ao famoso 'luthier' italiano e, possivelmente, à data de sua fabricação.

Os Stradivarius valem milhões de dólares, enquanto os melhores violinos fabricados atualmente não passam de US$ 50.000. Depois de anos sem indícios, foi possível seguir a pista do suspeito do roubo com informações fornecidas à polícia anonimamente, quando o bandido estava prestes a vender os instrumentos. "A pessoa procurava alguém para avaliar violinos", indicou Gauthier. "É a primeira vez que encontramos violinos com este valor em Quebec", disse o oficial.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA