Manu Gavassi aposta em tom autoral para novo disco

'Clichê adolescente', novo álbum da cantora, apresenta 12 faixas compostas exclusivamente por ela

por Ana Clara Brant 14/04/2014 09:41

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Gianfranco Briceno/Divulgação
"Sempre gostei de escrever sozinha, é o meu melhor método, e também de fazer a melodia" (foto: Gianfranco Briceno/Divulgação)
No primeiro disco da carreira, Manu Gavassi tinha 17 anos, e foi ali que conquistou um público que até hoje se mantém fiel, os adolescentes. Mesmo já estando na maioridade, com 21, a cantora paulista, que também está mostrando sua faceta de atriz na pele de Paulinha, na novela 'Em família', da TV Globo, quis fazer uma espécie de brincadeira e batizou seu segundo trabalho fonográfico, que acaba de sair pela Midas Music, como 'Clichê adolescente'. “Além de ser o nome de uma das faixas, acho que a adolescência é a fase mais intensa da vida, principalmente nas questões afetivas. A gente acha que vai morrer por amor, que nunca mais vai conseguir gostar de alguém, e quis brincar um pouco com isso. Acho que meu público cresceu junto de mim, mas ao mesmo tempo ainda tem crianças, pré-adolescentes e adolescentes que curtem o meu som”, afirma Manu, que canta e toca violão desde os 13 anos.

Todas as 12 faixas são assinadas por ela. Só por ela. Não que a artista rejeite qualquer parceria, mas prefere um processo de criação mais solitário. “Sempre gostei de escrever sozinha, é o meu melhor método, e também de fazer a melodia. O primeiro CD, (o homônimo 'Manu Gavassi') não foi um projeto totalmente autoral, mas esse sim. Mesmo tendo poucos anos de diferença de um para o outro, a gente muda muito”, analisa.

Os dois álbuns da carreira da cantora e atriz, que começou a vida artística fazendo covers de Taylor Swift e Justin Bieber, tiveram o dedo do produtor Rick Bonadio, que, aliás, também mostra o seu lado de músico no disco, tocando baixo, teclado e fazendo programações.

Em 'Clichê adolescente', Manu — que se tornou um das divas teen — mantém sua pegada pop, mas transita pelo country, rock contemporâneo e ainda traz referências de bandas e artistas que admira como Lumineers, John Mayer e a escocesa Nina Nesbitt.

Todas as canções têm veia romântica, seja lamentando o fim de um relacionamento, exaltando como é bom acordar ao lado da pessoa amada ou descrevendo o arrebatamento de uma paixão. Aliás, o namorado da cantora e compositora, o ator e cantor Chay Suede, revelado no programa 'Ídolos', faz participação especial na música Segredo. “Pelo fato de termos a mesma profissão, para mim acrescenta demais. Um confia muito e contribui para o trabalho do outro, e isso é ótimo”, comenta.

Além de assinar todas as composições e cantar, Manu Gavassi fez questão de dar palpites em todo o processo de feitura do segundo CD, ao contrário do que ocorreu com o projeto de estreia. “Do começo ao fim, participo absolutamente de tudo, dos arranjos às vírgulas. Em todas as etapas”, resume.
 
Ouça 'Segredo', parceria de Manu Gavassi e Chay Suede para o disco 'Clichê adolescente':
 
 

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA