Pé de Mulambo lança segundo disco, 'Giro solto'

Grupo formado em 2007 foi finalista na categoria de melhor grupo regional do Prêmio da Música Brasileira

por Kiko Ferreira 18/03/2014 06:00

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Divulgação
(foto: Divulgação)
A proposta do Pé de Mulambo é clara: “Música dançante, de dançar descalço, até o pé ficar sujo”. Formado em 2007, em São Paulo, pelo recifense Guluga, o paulista Filipo e o olindense Rone, o trio lançou o premiado CD 'Segura essa munganga aí, menino!' (2011), finalista na categoria de melhor grupo regional do Prêmio da Música Brasileira. Agora, com o disco 'Giro solto', o grupo apresenta trama instrumental que une delicadeza e eficácia.

É difícil ouvir o CD sem mexer o pé, batucar na mesa ou sair dançando pela sala. A estética é minimalista: rabeca, viola caipira e percussão dão conta de ritmos, harmonias e melodias bem desenhados, que emolduram os vocais igualmente agradáveis, sem arroubos desnecessários. Se falarmos de um cruzamento de Quinteto Violado, Banda de Pau e Corda e Geraldo Azevedo, não estaremos fugindo muito do resultado final.

Filipo vem do grupo de cultura popular Jovens Fandangueiros do Itacuruçá, da Ilha do Cardoso (SP), passou pelo projeto de pesquisa do samba Paranapanema e tocou com Karina Buhr, Juçara Marçal e Tião Carvalho. Desde a infância, Guluga convive com caboclinhos, frevos e maracatus. Tem trabalho solo e integra o coletivo pernambucano Projeto Malungo. Rone regeu bandas marciais, fez parte da big band do maestro Duda e de diversos grupos pernambucanos. Integra as bandas Dum Dum Bata e Coco Dúmbigada.

Giro solto faz justiça à soma de talentos do pé-de-serra-power-trio, com 15 temas que remetem a Luiz Gonzaga, Dominguinhos, Jackson do Pandeiro, Quinteto Violado, Banda de Pau e Corda e Geraldo Azevedo.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA