Festival de música celta abre fim de semana irlandês em BH

De músicas tradicionais ao 'irish punk', Uai Patrick acontece nesta sexta-feira, no Granfinos

por Fernanda Machado 14/03/2014 11:58

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

Facebook / Reprodução
R.A.T.S é uma das trÊs bandas que se apresentam nesta sexta-feira no Granfinos (foto: Facebook / Reprodução)

 

Com Pedro Galvão

 

Nos últimos anos, a tradição irlandesa de festejar o Dia de São Patrício virou febre em Belo Horizonte. O que começou timidamente na Savassi, em 2008, graças à iniciativa do tradicional pub Stadt Jever, do extinto Frei Tuck, em parceria com o time BH Rugby, logo ganhou força e passou a arrastar multidões vestidas de verde e sedentas por cerveja nos dias em torno do 17 de março. Em 2014, o fim de semana de São Patrício chega com atrações para todos os gostos na capital mineira, com direito a um festival de música genuinamente celta.

Confira todas as opções de Saint Patrick´s Day em BH

O Uai Patrick acontece no Granfinos, na noite de sexta-feira, e é o destino ideal para quem deseja curtir um som fiel às tradições irlandesas. Serão três bandas do gênero. Uma delas é a The Celtas Ride Again, formada pelo irlandês Karl Mooney, residente em BH desde 2001. Eles tocam um folk rock que mescla a musicalidade da Irlanda com a do Brasil. Outra atração é banda SenSESSIONal, que leva ao palco as canções mais tradicionais da terra dos leprechaus. Para fechar a noite, os cariocas do R.A.T.S voltam a BH com seu irish punk embalado por guitarra, banjo, violino e acordeon, fazendo versões das principais bandas estrangeiras do gênero, como Flogging Molly e Dropkick Murphys, além de clássicos nacionais e internaiconais, sempre em ritmo irlandês. O repertório inclui, por exemplo, versões celtas para 'Transilvânia' do Iron Maiden e 'Medo' do Cólera.

Karl Mooney nasceu na Irlanda e mora no Brasil desde 2001. Feliz por ver sua cultura sendo difundida no país que o acolheu, ele considera que a música celta não pode ficar de fora das festas de São Patrício. “A música é a expressão mais popular da cultura irlandesa. A música celta surgiu do lado de fora dos castelos, não é um som erudito. É como aquela cena do filme 'Titanic', em que Jack leva Rose à terceira classe do navio para uma 'festa de verdade', aquilo é a música irlandesa de verdade, algo análogo ao samba de roda no Brasil”, explica ele.

Em 2010, ele formou o The Celtas Ride Again, que mistura desde canções tradicionais da Irlanda e do Brasil, com baladas mais contemporâneas, sempre na pegada celta, com bandolim, banjo, bodhram, violino, violões, bateria e percussão. Segundo ele, a banda costuma empolgar o público, independente do local onde se apresente. “O brasileiro gosta muito da musicalidade irlandesa”, afirma.

Para Karl, os irlandeses são conhecidos como os brasileiros da Europa: “ Nossas culturas, mesmo sem muita conexão histórica, tem muito a ver uma com a outra, mais ainda com os mineiros. Em comum temos essa paixão pelo bar, pela cerveja, além do catolicismo que também é uma ligação forte”. Ele explica ainda que o grande número de brasileiros que tem ido estudar na Irlanda nos últimos anos contribuiu para essa aproximação, já que eles voltam de lá trazendo a cultura local na bagagem.

Entenda a festa
Na Irlanda, a data é celebrada em homenagem ao santo que viveu por lá durante o século V. São Patrício faleceu no dia 17 março. Em sua missão católica, ele utilizava o trevo para catequizar os pagãos, já que as três folhas serviam para ilustrar a Santíssima Trindade. Por isso a simbologia envolvendo o trevo e o país.

Já o uso do verde tem a ver com a primavera, que começa no Hemisfério Norte no dia 21 de março. Nessa época, os campos voltam a ficar verdejantes, depois de um rigoroso e cinzento inverno. Como não poderia deixar de ser diferente na Irlanda, a festa é regada a muita cerveja, bebida mais popular e cultuada há séculos no país.

UAI PATRICK

The Celtas Ride Again, R.A.T.S. e SenSessional. DJ Big Paul The Monster. Rock e música celta.
Sexta-feira, 14/3, a partir das 22h, no Granfinos (Avenida Brasil, 326, Santa Efigênia).
Ingressos: de R$ 35 a R$ 50. Vendas aqui.
Informações: (31) 3241-1482 e no Facebook

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA