Música irlandesa é atração em BH nesta sexta-feira

A banda R.A.T.S, do Rio de Janeiro, toca no Flaming Festival, que também terá Móveis Coloniais de Acaju e The Original Black Jacks

por Fernanda Machado 13/12/2013 15:35

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

R.A.T.S / Divulgação
R.A.T.S: autêntico irish punk (foto: R.A.T.S / Divulgação)
Uma festa no convés de um navio, embalada por banjo, acordeom e violino. A cena que parece ser de um filme de piratas serve para ilustrar o som feito pelo R.A.T.S (sigla para 'Riot at the ship'), uma das atrações do Flaming Festival, na noite desta sexta-feira, no Music Hall. Formada há pouco mais de um ano no Rio de Janeiro, a banda carioca promete fazer o público gritar alto e bater o pé, com versões em autêntico ritmo irlandês para vários clássicos do punk rock e do metal, além de apresentar músicas próprias.

A ideia de montar uma banda de “irish” surgiu quando o multi-instrumentista Fernando Oliveira convidou Bruno Pavio e outros amigos fãs do estilo para se reunirem e tocarem suas músicas favoritas, em versão celta, com banjo e acordeom. A brincadeira deu certo e o grupo começou a se apresentar em alguns eventos menores, até que surgiu a oportunidade de tocar no Rock in Rio deste ano.

Fernando, que já tocou em outras bandas e trabalha com artistas como a cantora Mallu Magalhães, conhecia o produtor responsável pela programação de um dos palcos do festival, a “Rock Street”, que neste ano teria a Irlanda como tema. Ao ouvir o som do R.AT.S, ele se empolgou e convidou o grupo. “ Nós tínhamos pouco mais de um ano e tocamos no maior festival do país, na mesma noite do Iron Maiden. Foi uma grande honra pra todos nós, acabamos fazendo uma versão pra o clássico deles “Transylvania” , o público enlouqueceu e curtiu bastante”, conta Fernando.

Além do Iron Maiden(veja vídeo abaixo), bandas como o Cólera, ícone do punk rock brasileiro, também tiveram versões criadas pelo R.A.T.S, que começa a trabalhar nas próprias composições. “Como a banda começou sendo uma brincadeira, não tínhamos pretensões de compor nem de gravar, mas  a diversão passou a render bons frutos e já criamos algumas canções próprias”, explica Fernando, que promete que o público de Belo Horizonte já irá conhecer algumas das primeiras músicas autorias da banda na noite de hoje.

Móveis Coloniais de Acaju e The Original Blackjacks completam a notie
A noite do Flaming Festvial ainda contará com outras duas atrações. Quem sobe primeiro ao palco é a banda belo-horizontina The Original Blackjacks. Para encerrar, será a vez da salada musical do Móveis Coloniais de Acaju. O grupo de Brasília, conhecido por sua multi sonoridade e energia durante os shows, lança seu terceiro álbum “De lá até aqui”.

 

Serviço - Flaming Festival
Móveis Coloniais de Acaju (DF), Riot at the Ship (RJ), The Original Blackjacks (MG). Sexta-feira, 13 de dezembro, às 21h, no Music Hall (Av. Do Contorno 239 – Santa Efigênia). Ingressos:  1ºlote - R$10(Meia) R$20 (inteira); 2ºlote - R$15 (Meia) R$ 30 (Inteira). Classificação: 16 anos.

Ingressos:  1ºlote - R$10(Meia) R$20 (inteira); 2ºlote - R$15 (Meia) R$ 30 (Inteira). Classificação: 16 anos. Pontos de venda: 53HC (Rua Rio de Janeiro, 630, Loja 53 - 3271-7237) e Pietá Tattoo (Rua Paraíba, 1441 - 3281-4441).

 

 

 

 

 

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA