Elton John defenderá os direitos gays em show em Moscou

Cantor fará um show nesta sexta-feira no país que é palco de diversas polêmicas em torno do tema

por AFP 05/12/2013 15:23

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
AFP
Elton John anunciou publicamente sua homossexualidade em 1988 (foto: AFP)
O cantor Elton John fará um show nesta sexta-feira em Moscou no qual prometeu levantar a questão da repressão legal aos direitos dos homossexuais no país.

O cantor britânico declarou à rede CNN no mês passado que "estava indo para dizer algo no palco que... será significativo". Ele tem dois shows marcados no país, na sexta-feira em Moscou e no sábado na cidade de Kazan.

Elton John declarou que pretende ser cauteloso no palco na Rússia, temendo sofrer represálias caso seja muito crítico ao presidente Vladimir Putin.

Mas acrescentou que planeja se reunir com a comunidade LGBT, descrevendo a atual situação na Rússia como terrível.

John será o primeiro grande astro ocidental conhecido pelo forte apoio aos direitos dos homossexuais a se apresentar na Rússia desde junho, quando Putin assinou uma lei nacional que proíbe "propaganda pró-homossexualidade" para menores de idade.

A lei, fortemente encorajada pelos legisladores conservadores, pode ser utilizada para proibir qualquer tipo de evento de direitos dos homossexuais, afirmam os críticos.

Elton John anunciou publicamente sua homossexualidade em 1988 e tem um parceiro chamado David Furnish, com quem tem dois filhos nascidos de uma barriga de aluguel.

Ele é um dos maiores financiadores de programas para ajudar pessoas infectadas com o vírus da Aids. Em 2009, a Ucrânia se recusou a deixá-lo adotar uma criança portadora do vírus.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA