Após romper com gravadora, Paula Fernandes segue carreira de forma autonôma

"Sempre compus canções para outras pessoas, mas nunca tinha feito uma música que falasse do meu amor-próprio", revela a cantora

por Helvécio Carlos 05/12/2013 08:10

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Tomas Arthuzzi/Divulgação
"Antes de amar o outro, devemos nos amar", Paula Fernandes, cantora (foto: Tomas Arthuzzi/Divulgação)
A cantora Paula Fernandes está vivendo uma roda-viva. Tudo para divulgar o trabalho mais recente, o DVD e CD 'Multishow ao vivo Paula Fernandes – Um ser amor'.  Mas o cansaço resultante de dias agitados não tiraram o humor da cantora, entusiasmada com os rumos da carreira e a vida pessoal. “Estou em um momento muito especial. Finalmente, tomei as rédeas do meu trabalho, da minha carreira. Poder escolher o que fazer na vida é uma dádiva”, diz com alívio depois da solução para seu desligamento definitivo da Talismã, empresa do cantor sertanejo Leonardo, que, durante muito tempo, administrou a carreira da cantora. Paula agora é dona do escritório Jeito de Mato. “Há dois anos, por exemplo, tive três infecções urinárias. Era um período com shows seguidos em estados muito distantes um do outro. Um dia estava no Sul, no outro no Nordeste. A logística era quase impossível. Já passei 24 horas, 25 horas dentro de um ônibus, o que era muito pesado”, recorda.

Paixão

O momento especial não se resume ao trabalho. A cantora tem alguém além da família com quem dividir conquistas e vitórias. Está de namoro firme com o dentista Henrique do Valle, que mora em Brasília. “Sou uma pessoa apaixonada por natureza. Não preciso estar com alguém para estar apaixonada”, pondera, bem-humorada, revelando ainda ter feito o que considera sua grande descoberta: “Conquistei a mim mesma. Hoje, mais do que nunca, estou curtindo ser quem sou”. Essa descoberta tem reflexo no repertório do disco (o sexto da carreira) e de seu segundo DVD. Uma das faixas, 'Uma canção pra mim', foi composta por Paula. “Sempre compus canções para outras pessoas, mas nunca tinha feito uma música que falasse do meu amor-próprio. Antes de amar o outro, devemos nos amar”, filosofa.

Disco e DVD têm 24 faixas. Oito são canções inéditas. O restante foi selecionado por Paula, que diz ter dado prioridade às canções que o público sempre gostou. “Por ter muito carinho por todas as músicas, foi muito difícil fazer essa seleção. Mas fico orgulhosa de ter um disco com grandes sucessos”, vibra a cantora, que não reproduziu simplesmente os hits preferidos dos fãs. 'Pássaro de fogo', 'Não precisa' e 'Eu sem você' ganharam nova versão.

Paula não está sozinha nos dois trabalhos. Três grandes amigos – Roberta Miranda, Zezé di Camargo e Luciano – estão lá. “Sempre acompanhei a história de Zezé, parceiro com quem compus algumas músicas, e de Luciano, hoje somos grandes amigos. Assim como Roberta, muito querida, e sempre me orientando para eu não cometer os erros cometidos por ela no início de carreira. Eles são muito especiais para mim”. Zezé e Luciano estão presentes no disco e no DVD na faixa 'Coração na contramão' e nas canções escritas por Paula e Zezé, caso de 'Pra você'. Roberta canta com Paula Sua majestade o sabiá.

Quando sobra um tempinho, Paula ajuda à mãe, que está escrevendo a biografia da filha ilustre. “A ideia foi dela, que me conhece melhor do que ninguém”, constata Paula, que não é contra a proibição de publicação de biografias. “Esse é um assunto muito complexo. Mesmo que a pesquisa tenha sido muito bem feita, a publicação pode gerar algum tipo de constrangimento. Se alguém que não a minha mãe escrevesse minha história, precisaria de muito tempo para bater um longo papo comigo. Tenho muita história para contar”, conclui.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA