Vendas de discos de Lou Reed aumentam 607% após morte

Números devem ser ainda maiores, já que lista foi fechada no dia do falecimento do cantor

30/10/2013 13:27

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

REUTERS/Denis Balibouse/Files
(foto: REUTERS/Denis Balibouse/Files )
Como já era de se esperar, a morte de Lou Reed, no último domingo, desencadeou uma onda de nostalgia nos fãs. A venda dos álbuns do cantor já chegaram a aumentar nada menos do que 607%, de acordo com a Billboard.

 

Apesar do aumento já ser extremamente significativo, os números podem ser ainda maiores. É que a lista, feita a partir de dados liberados pela companhia Nielsen SoundScan, só levou em conta as vendas até o dia 27, exatamente quando o músico faleceu. Isso quer dizer que na lista da semana seguinte a porcentagem deve subir.


Segundo a apuração da Billboard, o disco de Lou Reed mais vendido no período foi 'Transformer' (1972). O álbum teve mil copias comercializadas, que contabilizaram um aumento de 527% em relação à semana anterior.


Já o clássico 'The Velvet Underground & Nico' (1967) teve um aumento de vendas de 146%, também contabilizando mil cópias. As vendas digitais representam bem o interesse pela obra o autor. Foram feitos mais de 17 mil downloads dos discos solo de Reed, contra dois mil da semana anterior.


Em relação ao consumo de música por streaming, como por exemplo o site Spotify, a música 'Walk On the Wild Side' foi a mais ouvida, com aumento de 3000% de cliques nas 12 horas que sucederam a morte do cantor.




VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA