Aos 67 anos, Cher conta que pretende ser enterrada na França

Cantora divulga álbum 'Closer to the truth' no país e garante: ''se ficar muito doente, venho para cá''

por AFP 17/10/2013 20:00

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
AFP PHOTO/ FRANCOIS GUILLOT
Em visita a Paris para divulgar novo álbum, Cher revelou que deseja ser enterrada na França (foto: AFP PHOTO/ FRANCOIS GUILLOT )
A cantora Cher, de 67 anos, já sabe onde quer ser enterrada, mas nem por isso está pronta para se aposentar, segundo declarou, em Paris, onde se encontra para promover o lançamento de seu primeiro álbum em 12 anos, 'Closer to the truth'.

"Notei que nas gerações de minha mãe e minha avó, numa certa idade, começam a se colocar de lado. Já na minha geração, em particular na área da música, continuamos atuantes", declarou à imprensa. "Talvez volte a fazer shows no futuro, dependendo de como me sentir", declarou a também atriz, que iniciou carreira depois de casar-se, aos 17 anos, com Salvatore "Sonny" Bono, com quem formou a famosa dupla nos anos 60 e 70 Sonny e Cher.

Cher, que visita muito a França, também confessou que gostaria de ser enterrada nesse país. "Sempre quis que me enterrassem aqui, mas não permitem. É preciso morrer aqui mesmo, por isso, se eu souber de antemão, se eu ficar muito doente, venho logo para cá", explicou.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA