Michael Jackson completaria 55 anos esta quinta-feira; relembre a carreira do Rei do Pop!

Morto em 2009, astro da música ainda não teve seu reinado preenchido

por Lucas Rage 29/08/2013 12:10

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

REUTERS/Leonhard Foeger/Files
(foto: REUTERS/Leonhard Foeger/Files )

Faz quatro anos que a música perdeu um de seus mais icônicos e celebrados astros – em 25 de junho de 2009, fãs descobriram chocados a morte precoce de ninguém menos que o Rei do Pop, Michael Jackson. Vítima de overdose de medicamentos, o ídolo foi encontrado já morto em sua casa em Los Angeles, deixando uma lacuna na cena musical que não foi preenchida até hoje.

Se estivesse vivo, Jackson completaria 55 anos nesta quinta-feira, 29. Provavelmente ainda nas manchetes de fofoca com epítetos como “bizarro” e “excêntrico” associados a seu nome. É inegável contudo que Michael – que preparava um retorno aos palcos com a turnê 'This is it', ainda surpreenderia seus fãs com sua música e talento.

 

Os números do reinado póstumo de Jackson ainda impressionam e atestam seu sucesso. Eventos e concertos ligados ao ídolo já venderam mais ingressos do que toda a sua carreira em vida. Jackson já foi tema de documentários, coletâneas e até mesmo um espetáculo realizado pelo Cirque du Soleil.

Calculado em cerca de US$ 600 milhões, o espólio de Jackson também impressiona e é alvo de batalhas judiciais envolvendo os membros do clã Jackson. Prince Michael, Paris e Blanket também são alvos constantes da mídia, seja por brigas entre eles ou com os tios e avós.

O Divirta-se deixa as polêmicas de lado e relembra os melhores momentos da carreira do cantor cujo legado superou as controvérsias, inspirou artistas e encantou fãs de gerações.


'ABC' (1970)

Gravada pelo Jackson Five em 1970, 'ABC' foi uma das primeiras músicas que evidenciaram o sucesso de Michael, ainda menino. A faixa fez tanto sucesso à época que derrubou 'Let it be', dos Beatles, da lista Hot 100 da Billboard

 

 


'Don't stop 'till you get enough' (1979)

Primeiro single de Jackson a virar hit, a dançante 'Don't stop 'till you get enough' também rendeu ao ídolo sua estreia em premiações, com a conquista do Grammy na categoria solo e o American Music Awards. A faixa atestaria o talento criativo de Jackson e seus acordes adquiririam fama ainda maior no Brasil posteriormente como a vinheta do programa 'Vídeo Show', da Globo.

 

'Thriller' (1983)

Faixa título do álbum homônimo lançado em 1983, 'Thriller' é sem dúvida a mais famosa canção de Jackson e viria a ser parodiada por dezenas de artistas ao longo dos anos. Homenagem aos filmes de horror dos anos 80, a canção daria origem a um dos mais famosos videoclipes da história da música pop – com Michael Jackson liderando uma horda de zumbis. Com 13 minutos de duração, o clipe seria o primeiro lançamento mundial da MTV e viria a se tornar o mais assistido do mundo, com 4 bilhões de visualizações. 'Thriller' foi premiado em 2006 pelo Guiness Book como “o vídeo de música mais bem sucedido de todos os tempos”

 



'Bad' (1987)

Segundo dingle do disco homônimo de Michael, 'Bad' se tornaria uma das faixas mais icônicas da carreira do ídolo pop. O videoclipe de 'Bad' foi dirigido por ninguém menos que o renomado cineasta Martin Scorsese, responsável por filmes como 'Touro indomável', 'Taxi driver' e 'Os bons companheiros'.

 

 

 

'They don't care about us' (1996)


A faixa do disco 'HIStory: Past, present and future' viria a se tornar uma das mais controversas de Jackson, por possuir letras consideradas antissemitas pela mídia norte-americana. Como consequência, o artista regravou uma nova versão da canção. A faixa marcou também a vinda de Michael ao Brasil, onde o artista gravou um videoclipe ao lado do grupo baiano Olodum.

 

 

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA