Criador do 'Harlem shake' diz que não ganhou dinheiro com a faixa e não quer mais tocá-la

DJ Baauer afirma que os lucros da canção que se tornou viral foram destinados ao pagamento de direitos autorais; duas outras canções são usadas na faixa

por Bossuet Alvim 20/08/2013 16:51

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
REUTERS/Mario Anzuoni
Depois de se apresentar em vários países, DJ Baauer quer enterrar o 'Harlem shake': "um dia pretendo não precisar tocá-la de forma alguma, isso seria perfeito" (foto: REUTERS/Mario Anzuoni)
Quando criou a faixa 'Harlem shake', o DJ norte-americano Baauer não imaginava que a canção se tornaria um hit global, chegaria ao topo do ranking de vendas em mercados como Estados Unidos e Austrália, ou que sua obra inspiraria uma onda de vídeos e performances que tentam superar-se em excentricidade. Por outro lado, quem observa a trajetória da música de Baauer desde o lançamento, há um ano, se engana ao deduzir que o produtor tenha lucrado com o viral. "Eu não vi nenhum dinheiro ainda", afirmou o DJ em entrevista ao site Pitchfork.

O problema, segundo ele, foram os samples — trechos de outras canções — usados em 'Harlem shake'. A faixa contém alguns vocais do rapper norte-americano Jayson Musson, ex-membro do grupo Plastic Little. Já o verso 'Con los terroristas' é cantado pelo portorriquenho Hector 'El Father' Delgado. Por ter inserido estes fragmentos em sua composição, Baauer teve de pagar os direitos autorais correspondentes.

Por ter criado a faixa durante uma experimentação, Baauer não deixou claro quem eram os autores dos samples nem chegou a comunicá-los sobre o uso. Ele não imaginava que a 'Harlem shake' seria amplamente divulgado. "Nem ia pensar em ligar [para Delgado], eu não sabia quem era que fazia aquilo [o sample 'con los terroristas']", declarou o DJ. "Eu conhecia o [trecho] do Jayson Musson", ele admite.

O sucesso de 'Harlem shake', contudo, abriu portas para o DJ Baauer. Depois do hit, ele já trabalhou em remixes para artistas como The Prodigy, AlunaGeorge e No Doubt. O produtor também lançou faixas autorais como 'Higher', em parceria com Just Blaze, que conta com vocais de Jay Z — estes devidamente creditados.

Agora, o artista tenta se desvencilhar do impacto de seu primeiro hit durante suas apresentações ao vivo. "Às vezes, quando eu não toco ['Harlem shake'], as pessoas ficam furiosas", ele conta. "Tenho evitado a versão original, tocando apenas um remix, para talvez mais tarde transformá-la apenas em um trecho", explica Baauer que pretende enterrar o hit em algum momento da carreira. "Um dia pretendo não precisar tocá-la de forma alguma, isso seria perfeito".

Confira a faixa 'Higher', do DJ Baauer com Just Blaze e Jay Z:

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA