Metá Metá faz show nesta terça-feira no Teatro Bradesco

Grupo paulista mostra composições de seus dois discos já gravados

por Eduardo Tristão Girão 06/08/2013 06:00

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

FERNANDO EDUARDO/DIVULGAÇÃO
O grupo paulista Metá Metá se apresenta esta noite na capital (foto: FERNANDO EDUARDO/DIVULGAÇÃO)
Autores de canções interessantes, resultantes da mistura de elementos africanos, brasileiros e rock com alguma dose de experimentalismo, os paulistanos do Metá Metá tocam nesta terça-feira à noite no Teatro Bradesco, em Belo Horizonte. No repertório estarão composições de seus dois discos. 'Metal Metal', do ano passado, é o mais recente.

Formado por Thiago França (saxofone), Kiko Dinucci (violão e guitarra) e Jucara Marçal (voz), o grupo sobe ao palco com Sérgio Machado (bateria) e Marcelo Cabral (baixo), reforçando a sonoridade mais encorpada testada depois do disco de estreia.

“No segundo disco a coisa ficou mais elétrica, colocamos mais efeitos, criamos texturas”, conta Thiago. O músico acredita que as referências para esse trabalho continuam as mesmas: ele, influenciado pelo jazz; e Kiko, pelo rock.

“O sax e o violão desempenham funções que não são as originais deles, um lance de desconstrução. Neste segundo trabalho, os vazios que explorávamos foram tomados por grooves, mas esta desconstrução de gêneros ainda é o fio condutor”, explica Thiago França.

LIVRE O saxofonista conta que há quem ouça o som do Metá Metá e o classifique como samba, rock e até jazz. Nada disso o incomoda. Pelo contrário: ele, Kiko e Juçara estão mais interessados

em fazer música com criatividade e liberdade, seja lá como for.

“Sempre tentamos nos reinventar. No primeiro disco, éramos só nos três; no segundo, formamos uma banda. O terceiro pode ser outra coisa ou nem existir”, completa o saxofonista.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA