Herança de Marília Pêra gera disputa judicial entre familiares

A atriz deixou aos beneficiários um valor estimado em R$ 40 milhões

por Correio Braziliense 10/08/2017 12:53
Divulgação
A atriz teria registrado no testamento o desejo de dividir a herença entre o marido, filhos e irmã. (foto: Divulgação)
Marília Pêra morreu em 5 de dezembro de 2015 devido a um câncer no pulmão e, segundo o jornalista e blogueiro Léo Dias, familiares iniciaram uma disputa judicial em 2016 pela herança da atriz, estimada em R$ 40 milhões. 

Segundo a publicação, Marília registrou cinco beneficiários no testamento: o marido, Bruno Faria; a irmã, Sandra Pêra; e os três filhos, Ricardo, Esperança e Nina. Ainda de acordo com o documento, Marília desejava que os filhos tivessem 75% da herança, enquanto o marido e a irmã dividissem os 25% restantes.
 
Porém, Faria, que passou 17 anos junto à Marília, discorda da divisão de bens e se recusa a deixar o apartamento em Ipanema, no Rio de Janeiro, que pertencia a Marília.
 
O economista alega que a justiça brasileira determina que o viúvo fique com 50% dos bens deixados pela mulher em caso de morte.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MEXERICO