Polícia francesa divulga relato de Kim Kardashian sobre assalto

Depoimento foi obtido horas depois do ocorrido

por Estado de Minas 16/01/2017 11:02
Instagram/Reprodução
Kim Kardashian depôs à Polícia francesa horas depois do assalto. (foto: Instagram/Reprodução)
Neste último domingo, 15, o jornal francês Dimanche divulgou o relato de Kim Kardashian à polícia sobre o assalto a mão armada que sofreu no começo de outubro do ano passado, durante sua passagem por Paris.

''Eu ouvi um barulho na porta e falei alto, perguntando quem era. Ninguém respondeu. Às 2h56 eu liguei para o meu segurança. Pela porta vi duas pessoas chegarem acompanhadas do homem da recepção, que estava amarrado'', conta a socialite norte-americana. 

No depoimento, Kim revelou que os assaltantes estavam com jaquetas da polícia e somente um deles estava com máscara para não ser reconhecido. ''Apenas o com óculos ficou comigo'', continua. ''Ele me perguntou com um forte sotaque francês onde estava meu anel. Estava na cabeceira e valia quatro milhões de dólares. Eu disse que não sabia, então ele sacou a arma e pediu para que eu mostrasse o anel. Ele apontou a arma para mim e pediu para que eu entregasse o anel''. 

Kim Kardashian também contou como foi amarrada. ''Eles me empurraram na cama; eu estava usando um roupão, nua por baixo. Então, me amarraram com cabos de plástico, tamparam minha boca e prenderam minhas pernas. Me levaram pro banheiro, mais especificamente na banheira''. 

Ainda em seu relato, Kim fala sobre as joias que foram roubadas, inclusive itens pessoas como um colar com o nome de seu filho mais novo, Saint. Para a socialite, os assaltantes roubaram US$ 5 milhões de dólares. 

Na última quinta-feira, 12, três indivíduos, entre eles um homem de 63 anos suspeito de ter participado diretamente do rouba à estrela americana, foram indiciados, de acordo com a Procuradoria de Paris. 

Segundo a reconstituição do crime, feita pelos investigadores, os cinco suspeitos de terem entrado armados no hotel de luxo em que Kim estava hospedada tinham experiência. O mais jovem da quadrilha tem 54 anos e os mais velho, 72. Os outros três então na faixa dos 60. Todos são conhecidos pela polícia por casos de roubo. 

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MEXERICO