"Réveillon horrível", diz Mariah Carey sobre sua performance

A cantora se pronunciou pela primeira vez à revista 'Entertainment Weekly', sobre o ocorrido na apresentação de réveillon, na Times Square

04/01/2017 15:24

Reprodução/Youtube
(foto: Reprodução/Youtube)
Mariah Carey começou 2017 com o pé esquerdo e virou um dos assuntos principais desse início de ano. Tudo isso por conta de sua apresentação no Réveillon da Times Square, em Nova York. Nos dias seguidos ao ocorrido, tanto a sua empresária quanto a Dick Clark Productions, reponsável pelo evento, trocaram acusações públicas.

 

Por sua vez, nesta terça-feira (3), Mariah resolveu se pronunciar sobre o assunto, em entrevista concedida à Entertainment Weekly. "Tudo que posso dizer é que Dick Clark era uma pessoa incrível e eu tive a sorte de trabalhar com ele quando eu estava começando na indústria da música. Eu sou da opinião de que Dick Clark não teria deixado um artista passar por isso e ele teria ficado tão envergonhado quanto eu fiquei", disse a cantora sobre a confusão.

 

Porém, o ocorrido não abalou a cantora sobre novas apresentações ao vivo: "Isso não vai me impedir de fazer um evento ao vivo no futuro. Mas vai me deixar menos confiante em trabalhar com qualquer pessoa de fora da minha própria equipe", disse. Por fim, Mariah ainda agradeceu o apoio que tem recebido dos seus "verdades fãs" e que está "muito grata por elaes e por todo mundo da mídia" que apoiou após o fato. Segundo ela, "foi realmente uma temporada de férias incrível que se transformou em um Réveillon horrível". 

 

Por outro lado, a apresentadora Jenny McCarthy, que comanda o evento junto a Ryan Seacrest, também resolveu se pronunciar sobre o assunto em seu programa. Ela reafirmou que Mariah não fez passagem de som, mas um ensaio de dança e que "ela preferiu ficar ao lado do palco, enquanto tinha uma equipe à disposição para fazer a verificação do som". 

 

Jenny ainda disse que acredita que a cantora estava nervosa: "Acho que ela escolheu canções realmente difíceis. Eu acho que Emotions é uma música que ela não tem mais voz para fazer. Não acredito que havia um problema com os fones de ouvido. Acho que ela usou isso como desculpa. Os monitores estavam lá. Olhe para os dançarinos atrás dela! Eles estavam em sintonia com cada batida, certo?  Cada batida. Ela podia ouvir e ela optou por não ler as letras nos monitores", completou a apresentadora. 

 

 

 

 

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MEXERICO