Madonna critica Trump e diz ter 'vergonha' de ser norte-americana

A cantora realizou um show beneficente e apresentou cover da canção 'Toxic' de Britney Spears, mas com contornos políticos

por Agência Estado 05/12/2016 13:01

Reprodução/Twitter
O show beneficente foi intitulado 'Tears of a Clown' (foto: Reprodução/Twitter)
Madonna voltou a fazer crítica ao presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump. Durante um show beneficente em Miami, nos Estados Unidos, a cantora fez uma performance da canção Toxic, de Britney Spears, com projeções ao fundo de imagens do magnata norte-americano enquanto cantava trechos como "Você sabe que é tóxico".

Ao falar sobre a população indígena de seu país, Madonna disse que os nativos tiveram suas terras destruídas. "Isso realmente me deixa envergonhada, envergonhada de ser norte-americana, envergonhada de ser um ser humano".

 

Em outro momento, ainda dividiu o palco com Ariana Grande em um número que contou, até mesmo, com um beijo entre as duas popstars. Toda a renda acumulada com os ingressos foi reveritida para o projeto social da artista no Malaui, onde Madonna está construindo um hospital infantil. 

 

Quem quiser, ainda pode assistir ao show interinho na página do Facebook da cantora: 

 

 



VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MEXERICO