Ladrões que assaltaram Kim Kardashian podem ter tido ajuda interna, segundo site

De acordo com o 'TMZ', o assalto à socialite pode ter sido possibilitado pelas pessoas que trabalham com ela

por Estado de Minas 04/10/2016 11:26

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
E! Entertainment Television/Reprodução
Kardashians e polícia francesa suspeitam que assaltantes tenham conseguido invadir o quarto de Kim com ajuda interna. (foto: E! Entertainment Television/Reprodução)

 
Na madrugada de domingo, 2, para segunda-feira, 3, a socialite americana Kim Kardashian sofreu um assalto milionário em um quarto de uma mansão em Paris. Kim foi rendida por um grupo de assaltantes vestidos de policiais que invadiu o prédio á procura de dinheiro e jóias. 

De acordo com o site TMZ, a família Kardashian e a polícia francesa acreditam que os assaltantes tiveram ajuda interna para render a socialite. 

A suspeita é embasada no fato de que, no momento em que o grupo de ladrões invadiu o apartamento de Kim, a socialite estava sem guarda-costas. A família e a polícia acreditam que eles sabiam o momento ideal para entrar em ação. 

 
Outro fator que colabora para a teoria é o fato de que os ladrões apareceram no espaço de tempo em que Kim Kardashian estava completamente sozinha, o que é bastante raro. Momentos antes de ser surpreendida pelos assaltantes, Kim estava na companhia de amigos. Seu segurança pessoal, Pascal Duvier, só deixou de estar do lado da socialite quando saiu para acompanhar suas duas irmãs, Kourtney e Kendall, em uma boate próxima. 

Ainda de acordo com o site de notícias norte-americano, a família Kardashian descarta o envolvimento de Pascal com o roubo. Entretanto, eles estão convencidos de que alguém forneceu informações indicando o momento mais propício para os ladrões entrarem e não serem pegos. 

Em declaração ao Mail Online, Pascal Duvier repugnou a ação dos assaltantes e mandou um recado ao grupo: ''Nós temos pistas e vamos encontrar vocês. Isso eu prometo, você mexeu com a pessoa errada''. 

A lista de suspeitos é longa, já que várias pessoas envolvidas na Semana de Moda de Paris sabiam da agenda de Kim Kardashian. 
 
 
Pausa 
 
Depois de interromper um de seus shows ao receber a notícia de que Kim foi feita refém em Paris, Kanye West anunciou que irá remarcar duas apresentações de sua nova turnê, a Saint Pablo Tour. 

As apresentações serão realizada somente em dezembro. No entanto, o rapper volta aos palcos no próximo dia 7 de outubro. 

Kim e Kanye estão casados desde 2014 e tem dois filhos, North e Saint. No momento do assalto, Kanye estava realizando um show em Nova York. As crianças não estavam com a mãe. 
 
 
 


VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MEXERICO