Angelina Jolie pede divórcio de Brad Pitt

Segundo site americano, Jolie deu entrada na papelada nesta segunda-feira, 19

por AFP - Agence France-Presse 20/09/2016 12:06

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Plan B Entertainment/Reprodução
Angelina Jolie e Brad Pitt estão se divorciando. (foto: Plan B Entertainment/Reprodução)

 
Angelina Jolie entrou com um pedido de divórcio de Brad Pitt e busca ficar com a guarda dos seis filhos, informou nesta terça-feira o TMZ, prenunciando o fim de "Brangelina", um dos casais de celebridades mais famosos de Hollywood.

De acordo com o site de notícias de entretenimento, a atriz, de 41 anos, apresentou documentos legais na segunda-feira citando diferenças irreconciliáveis com Pitt, de 52, listando sua data de separação como 15 de setembro.

Duas das maiores estrelas do mundo do entretenimento, eles formaram um casal inigualável em Hollywood, tão famosos que eram conhecidos simplesmente por seu apelido formado por seus primeiros nomes combinados, "Brangelina".

Os atores se casaram na França em agosto de 2014, mas estavam juntos desde 2004 e têm seis filhos, três deles adotados.

Jolie busca conseguir a guarda das crianças, concedendo direito de visitação a Pitt, segundo o TMZ, que informou que ela não pediu pensão.

Pitt encantou o público há 25 anos no filme "Thelma & Louise, e começou a se tornar um nome conhecido em Hollywood.

Três vezes indicado ao Oscar por sua atuação, o ator levou para casa uma estatueta de Melhor Filme em 2014 como produtor de "12 Anos de Escravidão".

Ele construiu um currículo com papéis em filmes variados, atuando ao lado de outros grandes astros da indústria do cinema: Tom Cruise em "Entrevista com o Vampiro", Anthony Hopkins em "Lendas da Paixão" e George Clooney em "Onze Homens e Um Segredo".

Jolie, por sua vez, saltou ao estrelato com seu papel em 1999 em "Garota, Interrompida", levando para casa um Oscar de melhor atriz coadjuvante por sua interpretação de uma mulher rebelde em uma instituição mental.

Desde então, ela fez de tudo, de uma vilã de conto de fadas ("Malévola") a uma heroína sexy de videogame ("Lara Croft: Tomb Raider"), passando pela viúva do jornalista americano assassinado Daniel Pearl ("O Preço da Coragem").

A queridinha do tapete vermelho agora é mais conhecida por seu trabalho humanitário do que por suas ações que atraem os tabloides, tendo servido durante vários anos como embaixadora da boa vontade do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados.

- Menino de ouro -

Em 2012, ela foi promovida a enviada especial e já visitou refugiados em todo o mundo, da Síria à República Democrática do Congo e Ruanda.

Recentemente, Angelina tem erguido a voz para defender ativamente as vítimas de violência sexual em zonas de guerra, sendo uma das anfitriãs de uma cúpula global sobre o estupro em zonas de conflito em 2014 em Londres.

Também foi feita uma Dama Honorária pela rainha Elizabeth II.

A atriz é ainda um dos símbolos mais visíveis do mundo na batalha contra o câncer, depois de ter passado por uma dupla mastectomia e pela remoção de seus ovários e trompas de Falópio para evitar uma forma agressiva da doença que matou sua mãe, avó e tia.

Jolie já havia se casado duas vezes antes, com os atores Jonny Lee Miller e Billy Bob Thornton.

Pitt, por sua vez, nascido em uma família de classe média em Oklahoma, conseguiu se manter no início da idade adulta com uma série de empregos de meio período, incluindo motorista, fazendo mudanças e se vestiu até mesmo de frango para fazer propaganda para uma rede de fast-food.

Mas a partir de 1987 os trabalhos começaram a surgir, com pequenas aparições nas séries de televisão "Dallas" e "Anjos da Lei", além de alguns filmes de baixo orçamento.

Sua posição como o "menino de ouro" de Hollywood foi reforçada por seu casamento em 2000 com a estrela de "Friends" Jennifer Aniston, que os tornou um dos casais mais famosos do mundo.

Pitt e Jolie se apaixonaram no set de filmagens de "Sr. e Sra. Smith", mas ficaram oficialmente noivos apenas em 2012.

Em maio de 2006, Jolie deu à luz sua primeira filha biológica, uma menina chamada Shiloh.

Sua fortuna conjunta é estimada em mais de US$ 300 milhões, e eles estão entre as estrelas mais bem pagas de Hollywood.

Jolie, filha de vencedor do Oscar Jon Voight, fez sua estreia na direção em 2011 com "Na Terra de Amor e Ódio", um drama forte sobre o estupro como uma arma em tempos de guerra na Bósnia.

Sua quarta obra por trás das câmeras, o thriller histórico "First They Killed My Father", será lançado no Netflix no fim do ano.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MEXERICO