Projeto de financiamento coletivo de hamburgueria de Leonardo Young é cancelado

As críticas a iniciativa, encabeçada por jovens de classe média alta que queriam arrecadar R$ 200 mil em dois meses, inviabilizaram a campanha

por Agência Estado 26/08/2016 16:11

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Instagram/Reprodução
(foto: Instagram/Reprodução)
Na última quinta-feira, 25, Zé Soares, Bel Pesce e Leonardo Young lançaram um financiamento coletivo para abrir uma hamburgueria gourmet em São Paulo e, imediatamente, revoltaram os brasileiros. As críticas foram tantas que, um dia depois, a iniciativa foi por água abaixo.

Young, o vencedor da terceira temporada do MasterChef Brasil, postou uma imagem em seu Instagram lamentando a má repercussão do projeto e revelando que o pedido de financiamento foi repensado. Ele garante, porém, que a ideia de abrir a hamburgueria 'Zebeléo' continua.

"O lançamento do nosso novo projeto, a Hamburgueria Zebeléo, gerou polêmica que ontem tomou conta da internet. O objetivo era utilizar uma ferramenta já consagrada e conhecida mundialmente para a viabilização de negócios com a participação do público de maneira opcional (...) Reconhecemos que pecamos ao lançar o projeto sem detalhar os princípios e mecanismos deste tipo de ferramenta. Temos sede por empreender e o projeto ainda está de pé! Estamos construindo cada detalhe da hamburgueria com muito carinho para em breve lançar a Zebeléo!", escreveu Young na legenda de uma foto no Instagram.

A ideia do trio era arrecadar R$ 200 mil em dois meses para abrir o restaurante. O problema é que a ideia veio justamente de três jovens de classe média alta que, aparentemente, não precisam de doações e os usuários da internet não gostaram nada disso.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MEXERICO